(Divulgação)(Divulgação)

Após seis dias de folia no Anel Viário, representantes e alguns componentes dos blocos organizados, blocos tradicionais e escolas de samba reuniram-se no Estádio Nhozinho Santos para acompanhar a apuração dos votos e conhecer os vencedores do concurso da Passarela do Samba de 2014.

A escolha do Estádio Nhozinho Santos foi um pedido dos próprios representantes das agremiações, por ser um local onde o público pode acompanhar mais de perto a contagem dos votos. Em anos anteriores, a apuração já foi realizada na própria Passarela e, nos últimos anos, no auditório do Comando Geral da Polícia Militar.

Torcidas organizadas das agremiações, equipes de imprensa e um efetivo de 80 policiais ocuparam três setores de arquibancadas enquanto a Comissão de Apuração ia sendo formada. Para apuração das escolas de samba foram convocados Toni Mota (presidente da União das Escolas de Samba do Maranhão – Uesma), Joá Medeiros (secretário da Uesma), Ribamar Moraes (representante da Fundação Municipal de Cultura – Func) e Laíza Rabelo (assessoria jurídica da Func).

Às 15h os malotes com os votos dos jurados foram entregues pela Guarda Municipal à Comissão de Apuração. Duas escolas de samba sofreram penalidades durante os desfiles, segundo relatório da Comissão de Obrigatoriedade: a Turma de Mangueira, por ter se apresentado com 20 baianas (o exigido é 25) e a Terrestre do Samba, também pelo número de baianas (22) e por ter desfilado com 8 alas com menos de 30 componentes.

Cada escola de samba recebeu nota de três jurados por quesito. Foram avaliados, respectivamente, os quesitos: enredo; mestre-sala e porta bandeira; alegorias e adereços; bateria; fantasia; evolução; letra; melodia e comissão de frente. No quesito melodia apenas dois jurados compareceram aos desfiles, ficando esta categoria com somatório de 02 pontos. A nota mínima é 6 e a máxima 10, segundo regulamento do concurso das escolas de samba.

Após o somatório das notas foi divulgado o resultado final das escolas campeãs do Carnaval 2014. Antes do anúncio pelo locutor oficial, a torcida da Turma do Quinto já comemorava o resultado com gritos de “É, campeã”. A escola, do bairro da Madre Deus, ficou em 1º lugar, com o enredo “No terreiro Maranhão, o mestre é Bita do Barão”. O 2º lugar ficou com a Flor do Samba, com o tema “Eu sou o néctar da felicidade”. Em 3º, a Favela do Samba, com o enredo “Abram as cortinas: Favela, o espetáculo e você”. A Túnel do Sacavém e Marambaia do Samba ficaram em 4º e 5º lugar.

Das nove escolas que desfilaram neste ano, as seis primeiras classificadas estarão no grupo A, para o Carnaval de 2015, e as três restantes no grupo B, segundo informações do presidente da Uesma, Toni Mota.

Apuração dos blocos

(Divulgação)(Divulgação)

Após a divulgação dos resultados das escolas, nova comissão foi formada para apuração dos blocos tradicionais dos grupos A e B e dos blocos organizado, com representantes da Associação dos Blocos Tradicionais do Estado do Maranhão (ABTEMA), da Associação Maranhense de Blocos Carnavalescos (AMBC) e de técnicos da Fundação Municipal de Cultura (Func).

Antes da contagem dos votos, a Comissão de Obrigatoriedade não apontou nenhuma irregularidade em relação aos blocos durantes os desfiles. Cada bloco recebeu nota de dois jurados por quesito. Foram avaliados: ritmo, letra, fantasia, melodia e evolução/conjunto.

No concurso de blocos tradicionais do grupo A, o bloco Os Vampiros ganhou o título de campeão do Carnaval 2014. Em 2º lugar, o bloco Os Feras. Em 3º, o bloco Os Tremendões. Serão premiados também os blocos Os Apaixonados e Príncipe de Roma, classificados em 4º e 5º lugares, respectivamente.

Já no concurso de blocos tradicionais do grupo B houve empate entre três blocos, com mesma pontuação. Segundo o regulamento dos blocos tradicionais, a maior nota no quesito fantasia define o desempate. O resultado final ficou: Os Reis da Liberdade, campeão; Os Especialistas do Ritmo, vice-campeão; Os Magnatas, em 3º lugar. Os blocos Os Fenomenais e Vinagreira Show serão premiados com o 4º e 5º lugares, respectivamente.

Ainda segundo o regulamento dos blocos, os três finalistas do grupo B sobem para o grupo A no desfile do próximo ano. Já os três últimos classificados do grupo A (Os Guardiões, Os Guerreiros e Os Trapalhões) descem para o grupo B.

A última apuração foi a dos blocos organizados. O bloco Dragões da Madre Deus foi o campeão do Carnaval de 2014. Em 2º lugar o bloco Os Gorgeadores. Em 3º o bloco Turma do Saco. Mocidade de Fátima e Os Cobras nas Estrelas ficaram em 4º e 5º.

Premiação

Este ano não haverá desfile das campeãs. Os prêmios serão entregues às agremiações vencedoras na sexta-feira (14), a partir das 19h, na Fonte do Ribeirão, no Centro de São Luís.

A escola campeã do Carnaval da Passarela receberá o valor de 40 mil reais. A vice-campeã será contemplada com o prêmio de 30 mil. As escolas classificadas em 3º e 4º receberão o valor de 20 mil reais e a classificada em 5º lugar a quantia de 5 mil reais.

Para o Concurso de Blocos Tradicionais foi destinado o valor de 20 mil reais ao vencedor dos grupos do Bloco A e 15 mil reais para os vencedores dos grupos do Bloco B e dos Blocos Organizados. Também serão premiados até os blocos classificados até o 5º lugar.

O Carnaval de Passarela 2014 teve a organização União das Escolas de Samba (Uesma), Associação Maranhense de Blocos Carnavalescos, (AMBC) e a Associação de Blocos Tradicionais do Maranhão (ABTEMA), em conjunto com a Prefeitura de São Luís, por meio da Fundação Municipal De Cultura (Func).