Fechar
Buscar no Site
O ÓRGÃO DAS MULTIDÕES

Justiça espanhola rejeita processo de jogadores driblados por Ronaldo

A Corte Suprema da Espanha rejeitou o recurso apresentado por sete jogadores do Compostela, que se diziam prejudicados por um comercial da Nike que mostrava um gol do Barcelona marcado pelo atacante Ronaldo, atualmente no Corinthians, após driblá-los.

12:48

A Corte Suprema da Espanha rejeitou o recurso apresentado por sete jogadores do Compostela, que se diziam prejudicados por um comercial da Nike que mostrava um gol do Barcelona marcado pelo atacante Ronaldo, atualmente no Corinthians, após driblá-los.

No lance, o então jogador do time catalão pegou a bola no meio-campo e driblou os adversários até invadir a área, fazendo um dos gols mais bonitos de sua carreira.

O grupo de jogadores do Compostela queria ser indenizado por considerar o que comercial prejudicava sua imagem e atacava sua honra.

O anúncio foi ao ar em 1997, no ano seguinte à partida, e seu texto exaltava a jogada antológica do brasileiro.

A Justiça espanhola entendeu que os atletas já haviam cedido suas imagens ao assinar um contrato com a LFP (Liga de Futebol Profissional), que permitia a exibição das partidas na televisão. (Da Folha Online)

Carregando