Fechar
Buscar no Site
O ÓRGÃO DAS MULTIDÕES

Esquadrão-mirim ajuda exterminar o mosquito da dengue no Maranhão

Em uma cidade do Maranhão, o trabalho de combate a dengue ganhou pequenos e valentes reforços durante o fim de semana.

Em um bairro da periferia de Caxias, no interior do Maranhão, para pequenos brasileirinhos os fins de semana só diferentes. De casa em casa lá vão as crianças, com uma tarefa de gente grande. No início, desconfiança. Até mesmo da família. ”Eu não queria deixar porque a gente sempre v tanta coisa começar e no terminar. Eu achei que isso era um início precoce e tentei abortar dele isso”, conta o pai de Jonatas, Joel Albuquerque.

Cada visita, cada inspeção, tudo anotado em planilhas. De dezembro para cá mais de 100 imóveis foram vistoriados pelos agentes mirins. Onde chegam são sempre bem recebidos. ”Sempre que eles vem me recomendam: Dona Gonzaga tem que continuar limpando, deixando garrafas de boca pra baixo”, conta a dona de casa Gonzaga Vieira.

De porta em porta, em uma casa, na outra. Em várias ruas aqui do bairro onde moram. O trabalho voluntário de combate a dengue foi ficando famoso, ganhando reconhecimento e apoio da comunidade. E agora, o exercito mirim ganhou também mais seguidores. Camila Araújo tem cinco anos, mas já se alistou para lutar contra o mosquito. ”Eles falam. Eu não falo no porque eu ainda no sei falar”, conta ela.

Depois do trabalho dos pequenos agentes os índices de infestação do mosquito vêm caindo no bairro. Uma geração de crianças dando lição de cidadania para muito adulto. ”Se cada um cuidar da sua já tá bom demais. Vamos largar o vizinho. Vou embora cuidar da nossa”, diz Jonatas. (Do Jornal Nacional – Rede Globo)

Carregando