Fechar
Buscar no Site
O ÓRGÃO DAS MULTIDÕES

GP da Austrália: Rubens Barrichello chega em 2º em dobradinha da Brawn

Jenson Button e Rubens Barrichello fizeram história no GP da Austrália. Com a dobradinha em Melbourne, eles igualaram um feito que já durava 45 anos, quando a Mercedes estreou e marcou o primeiro e o segundo lugares na França em 1954. O inglês dominou a corrida desde a largada e o brasileiro ainda foi beneficiado pelo acidente entre Robert Kubica e Sebastian Vettel no fim da prova.

Jenson Button e Rubens Barrichello fizeram história no GP da Austrália. Com a dobradinha em Melbourne, eles igualaram um feito que já durava 45 anos, quando a Mercedes estreou e marcou o primeiro e o segundo lugares na França em 1954. O inglês dominou a corrida desde a largada e o brasileiro ainda foi beneficiado pelo acidente entre Robert Kubica e Sebastian Vettel no fim da prova.

Além dos 45 anos de intervalo, a dobradinha da Brawn GP é apenas a segunda de uma equipe estreante na história da Fórmula 1. O time também se tornou o terceiro calouro a vencer uma prova, quando em 1977, o sul-africano Jody Scheckter venceu com a Wolf o GP da Argentina. Jarno Trulli, que largou em último após a punição da Toyota na classificação, herdou a terceira posição após o acidente do fim da corrida.

Mesmo com um deficiente carro da McLaren, Lewis Hamilton fez uma corrida de regularidade e ainda conseguiu a quarta posição, uma à frente do alemão Timo Glock. Fernando Alonso, da Renault, cheou na sexta posição após perder bela disputa com o rival da Toyota nas últimas voltas. Nico Rosberg, da Williams, que perdeu rendimento nas últimas voltas, e Sebastien Buemi, da STR, completaram a zona de pontuação em Melbourne.

A próxima corrida da temporada 2009 da Fórmula 1 será disputada no próximo domingo, dia 5 de abril, na Malásia, às 6h (de Brasília), no circuito de Sepang. Jenson Button, com dez pontos, e Rubens Barrichello, com oito, chegam à segunda prova do campeonato muito à frente dos rivais. (Do G1)

Carregando