Fechar
Buscar no Site
O ÓRGÃO DAS MULTIDÕES

Vettel lidera dobradinha da Red Bull na Inglaterra; Barrichello é 3º

O alemão Sebastian Vettel dominou o GP da Inglaterra do início ao fim neste domingo, em Silverstone, e comandou a dobradinha da Red Bull-Renault na oitava etapa do Mundial de F-1, com seu companheiro de equipe, o australiano Mark Webber, na segunda colocação.

O alemão Sebastian Vettel dominou o GP da Inglaterra do início ao fim neste domingo, em Silverstone, e comandou a dobradinha da Red Bull-Renault na oitava etapa do Mundial de F-1, com seu companheiro de equipe, o australiano Mark Webber, na segunda colocação. Foi a terceira vitória do jovem alemão de apenas 21 anos na categoria.

Rubens Barrichello, terceiro colocado, conseguiu reduzir em três pontos a vantagem no campeonato de seu companheiro na Brawn-Mercedes, o inglês Jenson Button, que terminou na sexta posição no GP de sua casa.

Agora, Button chegou a 64 pontos e ainda tem uma grande diferença no Mundial de Pilotos para o vice-líder Barrichello (41). O brasileiro, no entanto, viu a dupla da Red Bull encostar na classificação: Vettel tem 39 pontos, logo à frente de Webber (35,5 pontos).

Outro destaque da corrida inglesa foi o brasileiro Felipe Massa, da Ferrari, que largou da 11ª colocação, subiu para oitavo logo no início e ganhou posições até terminar em quarto, melhorando sua situação no campeonato.

O alemão Nico Rosberg (Williams-Toyota), quinto colocado, o italiano Jarno Trulli (Toyota), sétimo, e o finlandês Kimi Raikkonen (Ferrari), oitavo, completaram a lista dos pilotos que pontuaram.

A prova

Na corrida deste domingo, Vettel e a Red Bull não deram chances a uma discreta Brawn GP, que vem exercendo grande domínio na categoria. Logo no início, o alemão fechou a porta do segundo colocado no grid, Barrichello, e foi abrindo praticamente um segundo por volta.

O brasileiro, por sua vez, perdeu a segunda posição para Webber na primeira parada de pit stops, enquanto que Button apertou Massa e Rosberg no final da corrida, mas não conseguiu ultrapassar. Os três cruzaram a linha de chegada praticamente juntos.

O ídolo da casa, Lewis Hamilton (McLaren-Mercedes), levantou a torcida inglesa após fazer uma bela ultrapassagem no rival Fernando Alonso (Renault), mas ambos ficaram fora dos pontos: Hamilton foi o 16º, e Alonso ficou em 14º.

Quem também não conseguiu pontuar foi o outro brasileiro na disputa, Nelsinho Piquet, da Renault, 12º colocado. (Da Folha Online)

Carregando