Fechar
Buscar no Site
O ÓRGÃO DAS MULTIDÕES

Discurso emocionado de filha de Michael Jackson marca homenagem

Em sua primeira declaração pública, a filha de Michael Jackson, Paris Michael Katherine Jackson, de 11 anos, foi às lágrimas ao falar sobre o seu pai diante de um público de cerca de 18 mil fãs, amigos, representantes da música pop, estrelas do esporte e líderes religiosos e dos direitos civis que participaram da cerimônia de adeus ao cantor nesta terça-feira (7), em Los Angeles.

Em sua primeira declaração pública, a filha de Michael Jackson, Paris Michael Katherine Jackson, de 11 anos, foi às lágrimas ao falar sobre o seu pai diante de um público de cerca de 18 mil fãs, amigos, representantes da música pop, estrelas do esporte e líderes religiosos e dos direitos civis que participaram da cerimônia de adeus ao cantor nesta terça-feira (7), em Los Angeles.

 

"Só queria dizer que, desde que eu nasci, o papai foi o melhor pai que eu poderia imaginar. Só queria dizer que eu te amo tanto", disse a garota, chorando muito e em uma das até agora raras aparições públicas sem o véu que o pai obrigava os filhos a usar. Dividindo o palco com irmãos de Jackson, ela foi abraçada e confortada por Janet Jackson.

A cerimônia em homenagem a Michael Jackson, que aconteceu no Staples Center, foi marcada por longos discursos de familiares e amigos do cantor. Os irmãos Marlon e Jermaine usaram um discurso fortemente religioso. "É difícil entender porque Deus pediu que nosso irmão voltasse para casa [o Céu], após uma visita tão curta [na Terra]", afirmou Marlon. Ele ainda pediu que Michael "desse um abraço" em Brandon, irmão gêmeo natimorto de Marlon. (Da Folha Online e do G1))

Carregando