Fechar
Buscar no Site
O ÓRGÃO DAS MULTIDÕES

Prefeito autoriza início da obra de drenagem da área do Tropical Shopping

O prefeito de São Luís, João Castelo, assinou, na manhã deste sábado (28), ordem de serviço para a canalização e drenagem profunda da área localizada entre o estacionamento do canal do Tropical Shopping Center e o jornal O Imparcial, no Renascença, onde ocorrem alagamentos crônicos em período chuvoso

O prefeito de São Luís, João Castelo, assinou, na manhã deste sábado (28), ordem de serviço para a canalização e drenagem profunda da área localizada entre o estacionamento do canal do Tropical Shopping Center e o jornal O Imparcial, no Renascença, onde ocorrem alagamentos crônicos em período chuvoso. Trata-se de uma obra orçada em R$ 2,3 milhões.

Acompanhado da primeira-dama Gardênia Gonçalves e de secretários municipais, Castelo disse que a obra solucionará transtornos com alagamentos crônicos no local, agravados principalmente no período chuvoso. Segundo ele, a área ganhará um conjunto de ações, incluindo urbanização e paisagismo, que garantirá melhoria da qualidade de vida à população.

João Castelo destacou que a ação faz parte de um leque de intervenções em áreas críticas da cidade, que estão sendo iniciadas neste mês. “Temos aqui mais uma obra estruturante importante que vai dar fim às inundações, frequentes nesta área durante o período chuvoso, que prejudicavam comerciantes, estudantes e os moradores da região. Com a assinatura da ordem de serviço, o canal será todo limpo, saneado, drenado e coberto”, garantiu.

“Vamos ter também aqui um local de passeio, agora o povo vai viver de maneira descente, alegre e com a qualidade de vida que merece. Eu quero passar pela Prefeitura realizando o que fiz quando fui governador do Estado com obras que duram até hoje e que resolveram, definitivamente, os problemas daquela época”, completou Castelo.

A administradora do Tropical Shopping Center, Kátia Pessoa, em nome de todos os clientes, colaboradores, lojistas e empresários do empreendimento, agradeceu ao prefeito João Castelo pela iniciativa de drenagem da área. O prazo previsto para a conclusão da obra é de 11 meses.

“Há mais de duas décadas, nós lutávamos por uma intervenção eficaz do poder público, pois tanto para quem trabalha no shopping quanto para aqueles que frequentam a universidade vizinha, escolas, clínicas médicas, escritórios, lojas, era um sofrimento muito grande presenciar carros alagados e passagens interrompidas”, disse Kátia Pessoa.

Segundo o secretário municipal de Obras, Marcos Aurélio Freitas, a drenagem da área do canal do Tropical Shopping Center colocará um ponto final na questão das inundações que têm causado danos materiais sérios e consequências à saúde da população. “No próximo período de chuvas, com certeza, não haverá mais alagamentos nesta área da cidade”, assegurou.

No ato de assinatura, estiveram presentes ainda os vereadores Vieira Lima (PPS) e João Batista Matos (PPS), o diretor-presidente dos Diários Associados-MA, Pedro Freire, o representante da Sousandes Serviços e Construções, Lucivaldo de Jesus Fernandes, que executará a obra, além de auxiliares do governo, imprensa, comunidade e adjacências.

Ações da obra – Entre uma série de ações, a obra inclui drenagem, limpeza, restauração e desobstrução de dispositivos danificados, bueiros tubulares de concreto, caixas coletoras, bocas de lobo com tampa de concreto, caixas de ligação e passagem, poços de visita e câmaras, rede coletora, dissipador de energia, serviços de terraplanagem e pavimentação de toda a área.

A reposição do pavimento da área será iniciada logo após a conclusão do reaterro compactado e regularizado. Na etapa de reconstrução do pavimento, serão realizados serviços de recolocação de meios-fios, tampões, bocas-de-lobo e outros, eventualmente demolidos ou removidos na execução da obra.

A obras será dividida em duas células. A primeira iniciará pelo trecho de 147m de extensão com 6m de largura, que vai da ponte (passagem) até a bacia natural; e a segunda pelo trecho de 228m com 3,5m de largura, antes da interligação. “O canal terá paredes e lastro (piso) de concreto estrutural com toda a cobertura de laje”, informou o mestre da obra, Zeca Carvalho.

Para resolver problemas crônicos de infraestrutura de São Luís, João Castelo deflagrou um conjunto de obras que inclui a execução de projetos de drenagem, saneamento, rede de distribuição de água e pavimentação com o objetivo de garantir mais qualidade de vida à população da capital maranhense.

Na última segunda-feira, o prefeito assinou a ordem de serviço para a ampliação e retificação do Canal do Coroado, obra esperada pela comunidade há mais de 20 anos, ação que faz parte do Programa de Recuperação Ambiental e Melhoria da Qualidade de Vida da Bacia do Bacanga.

Na sexta-feira (27), foi assinada a ordem de serviço para a obra do Canal do Portinho e área do Mercado Central. Além disso, outros projetos de drenagem e saneamento preveem ações de canalização e retificação do Canal do rio Gangan, no Turu; pavimentação e drenagem da Rua Cônego Tavares, no Anil; e drenagem profunda no Salinas do Sacavém. Só esse conjunto de obras soma investimentos de R$ 36.207.435,36 (mais de R$ 36 milhões).

Carregando