Fechar
Buscar no Site
O ÓRGÃO DAS MULTIDÕES

Android está perto de ultrapassar iPad no mercado de tablets

Quem acompanha o mercado de tablets não vai se surpreender. A participação da Apple, que era próxima de 100% em 2010, vem caindo continuamente. Agora, chegou o momento de os tablets com Android superarem o iPad em vendas, afirma a ABI Research. “É inevitável que os tablets com Android ultrapassem a linha iPad, ainda que […]

size_590_Apple-iPad-Mini-2013-04-10Quem acompanha o mercado de tablets não vai se surpreender. A participação da Apple, que era próxima de 100% em 2010, vem caindo continuamente. Agora, chegou o momento de os tablets com Android superarem o iPad em vendas, afirma a ABI Research.

“É inevitável que os tablets com Android ultrapassem a linha iPad, ainda que não vejamos nenhum fabricante que, individualmente, possa ameaçar a liderança da Apple”, diz Jeff Orr, diretor da ABI, num comunicado da empresa.

Nas contas da ABI, a Apple fechou o primeiro trimestre com cerca de 50% do mercado de tablets. Mas o maior crescimento acontece na faixa de aparelhos baratos (até 200 dólares no mercado internacional) com tela de 7 polegadas. E quase todos os tablets nessa faixa rodam Android.

“Agora que os tablets já estão disponíveis comercialmente há mais de quatro anos, o mercado cresce movido pelo baixo custo, que vem colocando esses dispositivos ao alcance de mais pessoas”, diz Orr.

A ABI observa que tanto o preço médio dos tablets como seu tamanho vêm caindo. Esse movimento se acentuou no ano passado. “Em vez de desalojar a Apple da faixa de dispositivos de 10 polegadas, os fabricantes encontraram um segmento que eles podiam conquistar – o dos tablets de 7 polegadas”, diz a ABI.

A resposta da Apple, o iPad mini, fez sucesso e acabou afetando as vendas do modelo maior, que é mais lucrativo para a empresa. A ABI estima que 49% dos tablets vendidos pela Apple no primeiro trimestre são iPad mini.

Esse modelo foi responsável por 39% da receita da empresa com tablets. Para Orr, o iPad mini deve se tornar o modelo mais vendido da Apple neste trimestre.

Fonte: Exame

Carregando