Fechar
Buscar no Site
O ÓRGÃO DAS MULTIDÕES

Conheça o Focus que vem para o Brasil

A Ford escolheu a 6ª edição do Salão de Buenos Aires, que acontece de 20 a 30 de junho na Argentina, para apresentar ao mercado da América Latina o novo Focus 2014. A principal atração da montadora norte americana no evento portenho desembarca no Brasil no segundo semestre nas versões hatch e sedã. O novo […]

(Imagem: Divulgação)

(Imagem: Divulgação)

A Ford escolheu a 6ª edição do Salão de Buenos Aires, que acontece de 20 a 30 de junho na Argentina, para apresentar ao mercado da América Latina o novo Focus 2014. A principal atração da montadora norte americana no evento portenho desembarca no Brasil no segundo semestre nas versões hatch e sedã.

O novo Focus será a segunda plataforma global produzida na fábrica argentina de Pacheco, que recebeu um investimento de US$ 200 milhões para o programa. Esta terceira geração aposenta o modelo atual – responsável por colocar a Ford na liderança mundial de vendas em 2012, com mais de 1 milhão de unidades vendidas. Porém, se para nós ele é novidade, na Europa já deve passar em breve por uma reestilização, afinal, roda por lá desde 2010. E isso não é nada animador já que nos faz lembrar do quanto o nosso mercado está atrasado.

No design, o modelo ganhou vincos mais pronunciados e perfil afunilado, linhas chamadas pela Ford de Kinetic, além dos faróis de xenônio com lavadores embutidos. Não fazem parte desta linguagem visual o “bocão” na dianteira, característica global da marca presente no Fusion, New Fiesta, entre outros.

(Imagem: Divulgação)

(Imagem: Divulgação)

No entanto, a expectativa de conhecer o modelo por completo foi frustrante durante o salão argentino, já que a motorização não foi divulgada. A única informação que tivemos é que o modelo adotará a transmissão PowerShift sequencial de seis velocidades com dupla embreagem.

Na Europa, o Focus é oferecido com motor Ecoboost 1.0 de 100 cv ou 125 cv e também o mais “nervoso” Ecoboost 1.6 de 150 cv ou 182 cv, motorizações que dificilmente seriam cotadas para o Brasil. Já nos Estados Unidos o modelo é equipado com motor 2.0 16V Ti-VCT. Para os brasileiros, contudo, a fabricante poderá adotar a mesma motorização do modelo americano e também o motor Sigma 1.6 16V flx com comando variável de válvulas produzido em Taubaté (SP) – o mesmo que equipa o New Fiesta nacional.

No entanto, não está nos motores a aposta da marca para manter a liderança no segmento e sim na tecnologia. Dentre as novidades estão a introdução dos sistemas de conectividade SYNC e MyFord Touch, com tela touch-screen de 8 polegadas no console central. Outro destaque é a adoção de sistema de estacionamento automático, que monitora os espaços disponíveis na rua, faz o cálculo e a manobra.

Sistema de abertura e partida sem chave, câmera traseira de estacionamento e sensores de estacionamento dianteiros e traseiros também fazem parte da sua lista de equipamentos.

No quesito segurança, há airbags dianteiros e laterais para o motorista e passageiro e airbags laterais de cortina, são seis ao todo. Para mais detalhes devemos aguardar o lançamento no Brasil, que deve acontecer em setembro.

(FONTE: iG)

Carregando