Fechar
Buscar no Site
O ÓRGÃO DAS MULTIDÕES

Suspeito esconde R$ 1,5 mil no ânus após assaltar lotérica

(DA REDAÇÃO) Um dia após um assalto praticado na última terça-feira (17), em uma lotérica na cidade de Guimarães, interior do Maranhão, um dos quatro presos suspeitos que havia sido baleado em confronto com a polícia passou mal enquanto trocava o curativo em uma das pernas. O curioso é que pirepaque não se deu por […]

Foto: Reprodução

(DA REDAÇÃO)

Um dia após um assalto praticado na última terça-feira (17), em uma lotérica na cidade de Guimarães, interior do Maranhão, um dos quatro presos suspeitos que havia sido baleado em confronto com a polícia passou mal enquanto trocava o curativo em uma das pernas. O curioso é que pirepaque não se deu por causa do tiro, mas porque o suspeito guardava os R$ 1,5 mil que havia roubado da lotérica no dia anterior.

Uma das enfermeiras do Hospital Regional Dr. Antenor Abreu, em Pinheiro, se deu conta do mal-estar e identificou o problema antes que tivesse consequências piores. Anderson Cardoso, de 36 anos, natural de Santa Inês, encontra-se fora de perigo. Os investigadores não informaram se o montante de cédulas era de alto ou baixo valor.

Carregando