Fechar
Buscar no Site
O ÓRGÃO DAS MULTIDÕES

Nos EUA, mulher se perde indo para biblioteca e acaba no México

O que era para ser uma simples ida à biblioteca acabou virando uma viagem internacional para a americana Anne Terhune, 60, de San Diego, na Califórnia. Se perder até que é normal, se bem que hoje em dia, com GPS e smartphones na mão, tudo ficou mais fácil, mas há sempre aquele frentista amigo para […]

anne-se-perdeu-no-caminho-para-a-biblioteca-e-acabou-indo-parar-no-mexico-1385493772185_615x300

O que era para ser uma simples ida à biblioteca acabou virando uma viagem internacional para a americana Anne Terhune, 60, de San Diego, na Califórnia.

Se perder até que é normal, se bem que hoje em dia, com GPS e smartphones na mão, tudo ficou mais fácil, mas há sempre aquele frentista amigo para quem podemos perguntar: “Ei, campeão, como faço para chegar a Pirapozinho da Serra?”.

Mas, para Anne, o pesadelo acabou durando quatro dias desde que ela saiu de casa, em 19 de novembro. O marido de Anne, preocupado, achou que ela o tivesse deixado e foi à polícia reportar o seu desaparecimento.

“Estava gostando de dirigir e começou a chover, então acho que minha visão ficou prejudicada”, explicou a mulher –que não tem celular– em entrevista ao canal Fox 5 San Diego.

“As pessoas começaram a dizer: ‘Você não viu aquela grande placa que dizia bem-vindo ao México’, e eu não tinha visto.”

A mulher teve o carro e bolsa roubados durante a aventura e ficou em hotéis até ser expulsa por não ter dinheiro. Ela acabou por ser levada de volta à fronteira por um policial mexicano.

“Até que meu espanhol não estava tão ruim”, brincou.

Carregando