Fechar
Buscar no Site
O ÓRGÃO DAS MULTIDÕES

Prefeitura reforça desobstrução de galerias no João Paulo

A Prefeitura de São Luís reforçou os serviços de limpeza e desobstrução das galerias de escoamento de águas pluviais diante das fortes chuvas ocorridas na cidade

A Prefeitura de São Luís reforçou os serviços de limpeza e desobstrução das galerias de escoamento de águas pluviais diante das fortes chuvas ocorridas na cidade. As equipes da Secretaria de Obras e Serviços Públicos (Semosp) iniciaram o reforço do serviço pelo bairro do João Paulo, com ações na Avenida São Marçal e na Rua Frei Caneca.

7437As_equipes_da_Secret

As equipes da Secretaria de Obras e Serviços Públicos (Semosp) iniciaram o reforço do serviço pelo bairro do João Paulo

“É uma ação para trazer mais tranquilidade para os motoristas, pedestres, trabalhadores e comerciantes da região. Nosso trabalho faz parte do plano de ação do prefeito Edivaldo Holanda Júnior que objetiva garantir mobilidade e um projeto urbanístico melhor para a cidade”, enfatizou o titular da Semosp, Antônio Araújo.

As equipes da Semosp constataram que o alagamento na São Marçal foi causado em decorrência da obstrução de uma das galerias existentes na via. “Alguém construiu, de maneira indevida, uma calçada em cima de uma das galerias, fechando por completo a passagem, o que impediu o escoamento da água da chuva”, explicou o superintendente de Drenagem da Secretaria de Obras, Carlos Alberto Lindoso. Ele informou que o problema deve ser solucionado até o final desta semana.

Para a operadora de caixa Maria de Jesus Torres, que passa diariamente pela São Marçal, a desobstrução das galerias também garantirá mais saúde para quem precisa caminhar pelo local. “Muita água represada por conta do alagamento pode causar doenças em quem tem de passar pela área todos os dias. Esse tipo de ação é importante para acabar com esse tipo de risco”, assinalou.

DESCARTE IRREGULAR

A Secretaria de Obras alerta que a maior parte dos alagamentos na cidade ocorre por causa da obstrução das galerias pelo excesso de lixo jogado nas ruas. “É preciso lembrar que a Prefeitura de São Luís realiza diariamente a coleta de toneladas de lixo, mas sem a conscientização de que jogar lixo na rua é errado, as galerias irão continuar sendo obstruídas, causando mais transtornos”, ressaltou o superintendente Carlos Alberto.

Ele explicou que até as tubulações com grandes dimensões, que têm a finalidade de carrear as águas das chuvas para os rios, são prejudicadas pelo excesso de lixo descartado irregularmente. Entre os materiais encontrados na tubulação estão sacos plásticos, descartáveis, latas, papéis, isopor, brinquedos, borrachas, vidros e garrafas de plástico.

O secretário Antônio Araújo destacou a necessidade da colaboração de toda a sociedade para depósito do lixo em local apropriado. “Essa cooperação pode evitar transtornos para todos, já que os alagamentos impossibilitam a passagem de pedestres e veículos em vários pontos da cidade”, alertou.

Carregando