Fechar
Buscar no Site
O ÓRGÃO DAS MULTIDÕES

Carros da Fiat têm menor custo de manutenção

O cálculo soma os custos de peças e mão de obra utilizadas em manutenções preventivas e preditivas

(Foto: Minerva Studio/Thinkstock)

(Foto: Minerva Studio/Thinkstock)

Os carros da Fiat possuem os menores custos de manutenção, de acordo com o Índice de Manutenção Veicular (IMV) do Centro de Experimentação e Segurança Viária (Cesvi).

O IMV foi lançado neste mês e analisou diferentes versões dos 45 carros mais vendidos do país em 2014, segundo os dados de emplacamentos da Federação Nacional da Distribuição de Veículos Automotores (Fenabrave). Como foram analisadas diferentes motorizações e carrocerias (como sedã ou hatch) de um mesmo modelo, ao todo foram avaliadas 86 versões.

Entre os 26 carros selecionados nesta lista – que são aqueles que registraram menor custo dentre os 86 incluídos no IMC – nove são da Fiat. Em seguida, a montadora com mais carros listados entre 26 veículos com menores custos foi a Volkswagen, com seis modelos.

A pontuação do IMC varia de 10 a 60 pontos. Quanto menor o IMV, menor é o custo de manutenção do veículo.

Os carros Chevrolet Celta, Fiat Uno, Toyota Etios, Volkswagen Gol e Volkswagen Voyage apareceram empatados na primeira posição do índice, com 20 pontos.

O cálculo soma os custos de peças e mão de obra utilizadas em manutenções preventivas e preditivas. Essas despesas são levantadas para cada modelo durante os primeiros 100 mil quilômetros rodados.

Enquanto a manutenção preventiva segue um calendário determinado pela montadora no manual do proprietário do veículo e tem como objetivo prevenir falhas em componentes que possam causar acidentes, a manutenção preditiva inclui despesas com reparos de peças e problemas mais relacionados ao desgaste natural do carro.

Comprar um veículo com menor custo de manutenção pode significar uma economia expressiva. De acordo com um levantamento feito pela consultoria Jato Dynamics, em dois anos os gastos com revisões e manutenções podem ser equivalentes a quase 20% do total de despesas geradas por um veículo.

Carregando