Fechar
Buscar no Site
O ÓRGÃO DAS MULTIDÕES

Assaltantes da churrascaria passaram apenas um dia presos

Os quatro acusados de terem assaltado a churrascaria Sal e Brasa, no dia 5 de abril, foram presos no dia 7, e ficaram apenas um dia sob custódia.

Foto: Reprodução

Os quatro acusados de terem assaltado a churrascaria Sal e Brasa, no dia 5 de abril, foram presos no dia 7, e ficaram apenas um dia sob custódia.

Thiago de Caldas Costa, Raimarildo Rodrigues dos Santos, Neurivan Pereira Ramos e Cleudiane do Nascimento Melo, que era funcionária da churrascaria, tiveram a liberdade provisória concedida pelo juiz José Eulálio Figueiredo de Almeida.

Os acusados estão usando tornozeleira eletrônica e terão que comparecer a todos os atos processuais, não se ausentar da Comarca de São Luís sem autorização e comunicar ao juiz caso ocorra mudança de endereço.