Fechar
Buscar no Site
O ÓRGÃO DAS MULTIDÕES

Galaxy S7 permanece nas lojas por mais um ano e preço já despencou 47%

O Galaxy S8 chega às lojas brasileiras em 12 de maio por R$ 3.999 no modelo convencional (5,8 polegadas) e R$ 4.399 no modelo Plus (6,2 polegadas)

Foto: Reprodução

O Galaxy S7 chegou às lojas brasileiras lá em 2016. Smartphone top de linha, ele já tem um sucessor: o Galaxy S8, anunciado na semana passada. Apesar da nova safra, a Samsung garante que o celular mais antigo vai continuar à venda por pelo menos mais um ano. Essa é a expectativa do gerente de produto André Varga.

O executivo explicou que ainda há mercado para um produto como o S7, que chegou no ano passado e se tornou o concorrente mais evidente do iPhone 7. Desde o lançamento, o preço já caiu mais de 40% – isso por um celular que tem em sua ficha técnica atributos como tela de 5,1 polegadas, armazenamento nativo de 32 GB, memória RAM de 4 GB e recarga rápida.

O Galaxy S7 tinha preço sugerido de R$ 3.799 no modelo convencional, com tela plana, e de R$ 4.299 no modelo Egde, com telona curva de 5,5 polegadas. Um levantamento exclusivo do comparador de preços Zoom, feito a pedido do TechTudo, revela que o valor cobrado nele já caiu 47,3% desde o lançamento, para uma importância média de R$ 2.001 em abril de 2017.

A redução de preço foi menos acentuada no modelo Edge, que passou para o valor médio de R$ 2.555 no mês passada. O “desconto” chega a 40,6% por um modelo com câmera de 12 megapixels e abertura f/1.7, capaz de fazer fotos mais nobres em ambientes com pouca iluminação.

“Vamos continuar vendendo”, afirma o executivo numa conversa após o anúncio global do S8, em 29 de março. “Nossa estratégia é manter os dois produtos, com todas as cores [inclusive o azul coral, revelado em primeira mão pelo TechTudo. Continuamos fabricando o S7 em tese até vir o S9”, completa. Ele lembrou que o Galaxy S6, de 2015, foi “descontinuado” somente no Natal de 2016, quase dois anos depois.

A dúvida se preço do S7 vai cair mais permanece. Smartphone queridinho de parte dos fãs da Samsung, ele continua ostentando excelentes câmeras e bom desempenho do Android. O gerente não respondeu diretamente a pergunta, mas deu a seguinte pista: “Precisamos reposicioná-lo no mercado”. Em outras palavras, pode-se esperar que varejistas e operadoras de telefonia diminuam novamente o valor cobrado no top de linha lançado em 2016.

Atualmente, os modelos regular e Edge custam R$ 2.799 e R$ 3.299, respectivamente, na loja oficial da sul-coreana. Na internet há ofertas mais interessantes, como as registradas pelo Zoom.

Vale a pena, portanto, comprar um S7 agora que existe uma geração mais nova? Varga ressalta que o telefone é competitivo e “tem um conjunto legal de recursos”. Ao mesmo tempo, ele admite que não mudou tanta coisa com a chegada da nova geração – entre as diferenças do S7 para o S8 está a câmera frontal, que aumentou de 5 para 8 megapixels. “A gente chegou num ponto bem legal com o S7. Fica até difícil inventar mais coisa”, brinca.

Por sua vez, o Galaxy S8 chega às lojas brasileiras em 12 de maio por R$ 3.999 no modelo convencional (5,8 polegadas) e R$ 4.399 no modelo Plus (6,2 polegadas). Os engenheiros da Samsung conseguiram reduzir a moldura do telefone, o que faz com que telas tão grandes fiquem confortáveis para usar mesmo com uma só mão.

Carregando