Fechar
Buscar no Site
O ÓRGÃO DAS MULTIDÕES

A famosa catedral de Notre-Dame está desmoronando

Com cerca de 12 milhões de turistas por ano, a atração necessita de reparos urgentemente, informa reportagem da revista Time.

Foto: Reprodução

A Catedral de Notre-Dame, em Paris, corre risco de desmoronar. Com cerca de 12 milhões de turistas por ano, a atração necessita de reparos urgentemente, informa reportagem da revista Time.

Com 854 anos de história, a catedral gótica vem sendo debilitada por aspectos climáticos, como a chuva; e interferências humanas, como a poluição. Tudo contribui para o atual mal estado do material com a qual foi construída.

“A poluição é a principal culpada”, afirmou o arquiteto chefe dos monumentos históricos franceses, Phillipe Villeneuve. “Precisamos substituir as pedras arruinadas e as articulações com os materiais originais. A reforma será extensa”, completou.

No entanto, não está claro quem custeará a obra. A catedral é de propriedade do governo francês, mas a manutenção é de responsabilidade da arquidiocese. O Ministério da Cultura fornece US$ 2,28 milhões por ano para isso. Segundo a equipe do monumento, essa verba é suficiente apenas para reparos básicos e não seria suficiente para a renovação necessária.

Em 2012 e neste ano, o governo fez doações pontuais para manutenção dos sinos e do pináculo, respectivamente. Mas para alguns próximos ao assunto, sem uma boa injeção de dinheiro, o prédio poderá oferecer perigo para os visitantes no futuro; e essa ajuda não virá dos cofres públicos.

“A França tem mil monumentos e dentre eles Notre-Dame não é necessariamente o caso de maior urgência”, disse uma funcionária do Ministério da Cultura francês. “A catedral não desmoronará”, completou.

A arquidiocese lançará uma campanha em outubro, a “Amigos da Notre-Dame”. O objetivo é arrecadar US$ 114 milhões entre os próximos cinco a dez anos.

Carregando