Fechar
Buscar no Site
O ÓRGÃO DAS MULTIDÕES

Secretário de Segurança e Comandante Geral da Pm recebem alunos do 2º CAT realizado em Pernambuco

Durante a solenidade, o secretário de segurança Jefferson Portela destacou que o governador Flávio Dino tem reaparelhado as forças de segurança, não somente no aparato técnico, com armamento e viaturas modernas; mas também com cursos de aperfeiçoamento, visando o bom desempenho dos policiais

Foto: Reprodução

O Secretário de segurança Jefferson Portela na companhia do comandante geral da PM José Frederico Pereira receberam na tarde desta terça-feira (01), os 21 alunos do II Curso de Ações Táticas Especiais (CATE), os quais participaram de dois estágios (Explosivo e Caratinga), no Sertão de Pernambuco. Durante a solenidade os alunos do Cate foram elogiados pelo desempenho em serem aprovados com louvor, em treinamento em outro estado brasileiro.

Durante a solenidade, o secretário de segurança Jefferson Portela destacou que o governador Flávio Dino tem reaparelhado as forças de segurança, não somente no aparato técnico, com armamento e viaturas modernas; mas também com cursos de aperfeiçoamento, visando o bom desempenho dos policiais na sua atividade principal, que é garantir a segurança do cidadão maranhense. Ele destacou também o desempenho dos policiais durante o curso, inclusive na participação de um Agente Penitenciário que também participou do II CATE. Fora destacado ainda, a participação do Diretor do CATE, o comandante do Comando de Policiamento Especializado, o Ten. Cel. Sodré, o Coordenador do Curso, o Major Onildo e demais coordenadores e instrutores.

O Comandante Geral da Polícia Militar do Maranhão, o Cel. José Frederico Pereira, teceu elogios aos alunos do Cate pela empreitada alcançada e agradeceu pelo valor de cada um deles, à polícia do Maranhão. O cel. Pereira ponderou ainda “Os senhores tiveram o privilégio de estar em uma posição de destaque por conta da realização destes estágios em Pernambuco, o estágio de artefatos explosivos pelo BOPE, e da resistência à Caatinga, pelo BEPI (CIOSAC). Vocês estão preparados para ocorrências extremas e de muito risco, o qual exige conhecimento profundo, sobre determinados assuntos. Estamos agradecidos pela coragem deste grupo o qual temos muito orgulho”, considerou o comandante geral da PM.

Presente também na solenidade, o Secretário de segurança Jefferson Portela repassou, que “Esta alegria é uma alegria policial, é uma alegria de segurança e da cidadania. Certamente a cidadania se faz mais forte com a vitória dos senhores. Vocês tenham a certeza, o crime recuará sempre, pois os senhores estão preparados para dar conta da missão do policial. Devemos ser duros para defender as coisas boas e fazer prevalecer o bem. Tenho certeza, que este testemunho de olhares, tem o conhecimento de todos. Certamente sabemos que o retorno dos senhores é uma expectativa não só das tropas especiais, mas de toda a tropa. Todas as coirmãs, a Polícia Civil e a Polícia Militar, sabendo que os senhores estão de prontidão para entrar em combate na hora necessária. Parabéns por esta dedicação. Não é fácil poder se profissionalizar para a prática do bem. Parabéns a todo o grupo do CATE” sinalizou o secretário de segurança Pública.

Estágio de Artefatos explosivos no BOPE

Os alunos do II CATE receberam no primeiro estágio em Recife-PE, instruções no Batalhão de Operações Especiais (BOPE), para adquirirem conhecimento para o desarmamento de explosivos. O estágio contou com ações antibombas, varredura com identificação de objetos, desativação e neutralização. Na ênfase, o estágio e capacitação visam em identificar e desarmar artefatos explosivos. Os alunos foram instruídos também, na localização de veículos suspeitos com o uso de um cão farejador, para a localização de artefatos explosivos em veículos.

O instrutor do BOPE, o Major Bantim, explanou acerca de Artefatos Explosivos e Gerenciamento de Incidentes; o Capitão Simões, repassando Terrorismo; e o Sub.Ten, Fábio, instruindo acerca de bombas e técnicas de desativação. Os instrutores do BOPE deram orientações tanto na teoria como na prática, no sentido, que os alunos do CATE assimilassem o conteúdo do estágio. O estágio em Recife finalizou no dia 21 de agosto, onde contou com os agradecimentos ao CATE, por conta do comandante do BOPE de Pernambuco, o Ten.Cel Menezes. Posteriormente, o BOPE foi elogiado pela equipe do CATE, representado pelo Diretor do curso, o Ten. Cel Sodré.

Estágio de Adaptação na Caatinga no BEPI (CIOSAC)

No município de Custódia-PE, realizou-se o segundo estágio, no Batalhão Especializado de Policiamento do Interior (BEPI – Ciosac), para se adaptarem ao clima de caatinga, no Sertão de Pernambuco; no sentido de adquirirem resistência e preparar para o bom desempenho da função em defesa da sociedade. Durante o estágio foram abordadas as disciplinas de adaptação à caatinga, com ministrações de forma teórica e prática, os quais receberam as técnicas de sobrevivência na caatinga e em áreas rurais; Técnicas de rastreamento e contra rastreamento; Técnicas de patrulha rural; Operações simuladas em área Rural; Exercício de sobrevivência em área de caatinga.

Durante a realização do estágio do CATE, contou com o acompanhamento do Diretor do curso, o Ten. Cel. Sodré, e do coordenador, o Maj. Onildo, e ainda diversos instrutores do curso. Ao final do estágio, os alunos do CATE estarão em condições de operar em área rural, principalmente em ocorrências de assalto a banco no interior do Estado, onde os criminosos costumam, após a prática criminosa, se refugiarem em áreas rurais. O estágio foi a primeira experiência de forma relevante, envolvendo os policiais do Maranhão e a Polícia de Pernambuco, por conta do BOPE e do BEPI (CIOSAC), ambos de Pernambuco.

O estágio finalizou no dia 30, em Custódio, onde foi homenageado pelo comandante do BEPI, o Ten.Cel Jamerson. Também na oportunidade do encerramento, os alunos e toda a equipe de direção do CATE foram homenageados pela equipe de coordenação do BEPI, bem como, a equipe do BEPI foi homenageada pelo diretor do Curso do CATE e sua equipe.