Fechar
Buscar no Site
O ÓRGÃO DAS MULTIDÕES

Flávio Dino se reúne com chineses para instalação de siderúrgica no Maranhão

O encontro teve como objetivo o debate entre brasileiros e chineses acerca de investimentos diretos no setor de siderurgia e outros segmentos no Maranhão.

Governador Flávio Dino participa de reunião com a Cbsteel (Comitiva da China) para implantação de siderúrgica no Maranhão. (Foto: Karlos Geromy)

O governador Flávio Dino, o vice-governador Carlos Brandão e secretários de Estado receberam uma comitiva da China formada por empresários, professores e pesquisadores na manhã desta terça-feira (15), no Palácio dos Leões. O encontro teve como objetivo o debate entre brasileiros e chineses acerca de investimentos diretos no setor de siderurgia e outros segmentos no Maranhão.

De acordo com Flávio Dino, o Governo do Estado tem uma estratégia econômica baseada em investimentos públicos, e, também, na captação de investimentos privados, na proteção e no apoio aos empresários que já investem no Maranhão, assim como na demonstração da atratividade para outros investidores. Essa reunião esteve inserida nessa política de desenvolvimento econômico por meio de parcerias.

“Neste caso temos o trabalho permanente de busca de novos parceiros comerciais. Vamos agora implantar um projeto chamado Missão Ásia, que é o desdobramento com esses empresários chineses, e também da Coreia, do Vietnã e de outros países”, afirmou o governador, explicando que a reunião desta terça-feira foi uma continuidade desses esforços e também uma preparação para essa visita do Governo do Maranhão com empresários maranhenses nos próximos meses a vários países, inclusive a China.

O governador ressaltou a importância do debate com empresários e professores chineses sobre os investimentos diretos no Maranhão no setor de siderurgia, que eles têm demonstrado interesse nos últimos anos. “Estou otimista de que esses diálogos vão prosseguir e com os frutos que daí advirão, com a realização de investimentos e com a dinamização da economia maranhense, que é o nosso principal objetivo”, reiterou Flávio Dino.

A comitiva da China foi formada por representantes de empresas e instituições como a CBSteel, Beijing Seatone Technology Development, Jiangsu Berkgen Medicine, South China Normal University Literature College, Guangdong simple art International Technology Co. e Tsinghua University Educational Research Institute.

Desde o início de 2015, o Governo do Estado está em amplo diálogo com empresários chineses para a abertura de novos negócios. No mês passado, o vice-governador Carlos Brandão visitou a China e dialogou com empresas vinculadas a setores que atuam no desenvolvimento de estados brasileiros com o perfil do Maranhão, assinou documentos que celebram a contratação de serviços da empresa de siderurgia CBSteel no estado e encontrou com empresários.

O CEO da CBSteel, Zhang Shengsheng, falou sobre a intenção da empresa chinesa em instalar uma siderúrgica no Maranhão e enfatizou que a reunião foi mais um passo para a concretização do negócio. “Hoje a reunião foi muito produtiva e tem um significado especial. Nós conversamos sobre alguns detalhes de como vamos poder implementar o projeto. De forma mais detalhada, com programação a ser executada”, esclareceu.

Carlos Brandão disse que já são dois anos e meio de tratativas entre o Governo do Estado e a CBSteel para a possível instalação de uma siderurgia no Maranhão. “É um projeto complicado e demorado mas estamos avançando. Já estivemos várias vezes na China e eles aqui no Brasil. Estamos tratando esse assunto com muita cautela para que a gente não crie expectativas como foi criado no passado. Mas tudo está sendo feito com muita firmeza”, completou o vice-governador.

Também participaram da reunião os secretários Simplício Araújo (Indústria e Comércio), Marcellus Ribeiro (Fazenda), Ted Lago (Presidente da EMAP), Marcelo Coelho (Meio Ambiente), o procurador-geral do Estado, Rodrigo Maia, além dos prefeitos de Bacabeira, Fernanda Gonçalo, e Santa Rita, Hilton Gonçalo.