Fechar
Buscar no Site
O ÓRGÃO DAS MULTIDÕES

Bira propõe vistoria a hospital de Traumatologia e Ortopedia do Maranhão

A unidade hospitalar passa por obras para oferecer a população maranhense tratamento especializado em estrutura que conta com 34 leitos, sendo 08 pediátricos e 26 para adultos, além de 10 leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI).

Foto: Reprodução

O deputado estadual Bira do Pindaré (PSB) propôs uma visita técnica ao Hospital de Traumatologia e Ortopedia do Estado. Localizado no Jardim Eldorado, em São Luís, a unidade hospitalar passa por obras para oferecer a população maranhense tratamento especializado em estrutura que conta com 34 leitos, sendo 08 pediátricos e 26 para adultos, além de 10 leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI). Algo, que, segundo o parlamentar, que tem incomodado a oligarquia.

“O Estado não esconde nada, está lá às claras e é por isso que eu acho importante e apresentei, inclusive, um requerimento propondo que façamos uma vistoria pela Comissão de Saúde. Eu espero que todos os deputados compareçam para a gente fazer a verificação in loco para constatar o serviço que está sendo feito e a importância desse trabalho para o estado do Maranhão”, ressaltou.

Sobre os factoides divulgados nos últimos dias, o parlamentar afirmou que, mais uma vez, o que se está vendo é o ativismo do que ele chamou de sistema mentira de comunicação, que é habituado, segundo pontuou, em distorcer fatos, inventar histórias e tentar ludibriar a população maranhense. Ele lembrou que isso vem de muito tempo, desde o caso do Reis Pacheco, que é o mais famoso que tirou a eleição de Cafeteira.

“E eles continuam com a mesma estratégia. Quando mandaram a matéria para a Rede Globo, mandaram sem ouvir o outro lado. Aí hoje, a Globo já vem toda pianinho mostrando a verdadeira versão dos fatos, explicando que não é nada daquilo que havia sido dito e que se trata de uma providência necessária para garantir a ampliação de um serviço que é emergencial”, acrescentou.

Bira destacou que a quantidade de pessoas acidentadas no Maranhão é cada vez maior, e que os hospitais que já existem não têm mais a quantidade de leito suficiente para atender todas as pessoas que necessitam do serviço. O socialista defendeu que criar um Centro Especializado em Ortopedia e Traumatologia é uma necessidade da população, fundamental, emergencial e prioritário.

“E o que é mais importante, este hospital vai acontecer, vai funcionar e será este ano, como já anunciou o Governo do Estado. Diferentemente, da gestão passada, que nós aqui fizemos a nossa fiscalização, naquele hospital que seria o Hospital do câncer, lá na Avenida São Luís Rei da França, ali na região do Turu, alugaram o prédio e nunca funcionou absolutamente nada. Agora, eles tentam misturar e criar confusão na cabeça das pessoas”, observou.

Ele fez referência às acusações da oposição, classificadas por ele como infundadas, de que o governo teria cometido ilegalidade por ter iniciado a reforma do prédio após formalizar o contrato de aluguel. O parlamentar esclareceu que este é o trâmite legal e que é usado em qualquer lugar do país. “Para quem estudou Direito, isso é elementar, absolutamente elementar. Portanto, o que eu vejo realmente é uma intenção de querer barrar um serviço que é fundamental para a população maranhense”, disse.