Fechar
Buscar no Site
O ÓRGÃO DAS MULTIDÕES

Marcelo Medeiros volta a liderar a prova entre os quadriciclos em etapa maratona do Sertões 2017

Dominando de ponta a ponta o trecho cronometrado desta segunda-feira, o piloto maranhense da Taguatur Racing completa o percurso em 4h23min56seg39.

Marcelo Medeiros recupera posição de líder do Rally dos Sertões 2017 (Marcelo Maragni/Fotop)

Santa Terezinha (GO) – Entre os quadriciclos, o maranhense Marcelo Medeiros venceu o desafio da etapa maratona, a segunda do 25º do Rally dos Sertões, nesta segunda-feira (21). Com sua Yamaha Raptor 700, o piloto finalizou os 248 quilômetros de trecho cronometrado, dentro do percurso que ligou Goianésia e Santa Terezinha de Goiás, em 4h23min56seg39.

Nesta terça-feira, Medeiros superou 45 motos e sete quadriciclos inscritos na prova. “Apesar do problema de ontem, quando o quadri quebrou a 2 km do final e estava liderando com 26 minutos à frente, hoje fiz uma etapa boa, recuperando o meu tempo chegando na frente. Agora é tentar ganhar mais posições a cada etapa, recuperar a liderança e lutar até o fim”, explica Medeiros, que liderou o percurso do dia de ponta a ponta.

Embora tivesse menor distância de deslocamento em relação a ontem, a etapa Maratona desta segunda-feira exigiu igualmente dos pilotos. Foi um trajeto com muitos mata-burros, depressões, lombadas, com estradas travadas e bem sinuosas. Todo o percurso exigiu do conhecimento de navegação e pilotagem dos corredores. Isso sem falar que, na etapa maratona, o piloto não conta com o apoio de manutenção de sua equipe, tendo que usar de sua experiência mecânica, caso a máquina precise de algum reparo.

Nesta terça-feira, a Maratona continua. O percurso já começa com estradas de alta velocidade, para depois ter trechos mais travados e sinuosos, passando por muitas fazendas. O piso predominante é o cascalho e estradas de piçarra. No meio da especial, a prova fica mais solta e segue no último trecho com longas retas e alta velocidade até o final.

Marcelo Medeiros conta com patrocínio da CEMAR, através da Lei Estadual de Incentivo ao Esporte, no Rally dos Sertões. O apoio é da Taguatur Fiat, Agência Oito e Mardisa Mercedes.

Resultado da 2ª etapa – Quadriciclos:

1º – #102 Marcelo Medeiros, Taguatur Racing, 4h23min56seg39

2° – #103 Diogo Zonato, Zona Racing, 4h27min10seg66

3° – #106 George Ximenes, Girao Team, 4h37min46seg29

4° – #105 Pedro Costa, Quatrilha Do Cerrado Rally Team, 4h38min25seg46

5° – #107 Milton Martens, Martens Racing, 4h45h00seg64

6° – #101 Geison Belmont, Brusque Rally Team, 5h27min06seg47

7° – #104 Michael Dias, Taguatur Racing 5h42min32seg85

NC – #108 Javier Diego, Bianchini Rally, ****

Classificação (após duas etapas) – Quadriciclos:

1° – #106 George Ximenes, 10h02min05seg13

2° – #105 Pedro Costa, 10h02min32seg27

3° – #107 Milton Martens, 10h09min24seg77

4° – #103 Diogo Zonato, 10h10h38seg69

5° – #102 Marcelo Medeiros, 11h29min56seg39

6° – #104 Michael Dias, 12h42min44seg64

7° – #101 Geison Belmont 25h27min06seg47

Confira a programação do Rally dos Sertões – 25 anos

22/08/2017 – 3ª Etapa

Santa Terezinha de Goiás (GO) – Aruanã (GO)

Deslocamento Inicial – 0 km
Trecho cronometrado – 297,12km
Deslocamento Final – 9 km
Total do dia: 306 km

23/08/2017 – 4ª Etapa

Aruanã (GO) – Barra do Garças (MT)

Deslocamento Inicial – 102,4 km
Trecho Cronometrado – 273,20 km
Deslocamento Final – 95,68 km
Total do dia: 471,34 km

24/08/2017 – 5ª Etapa

Barra do Garças (MT) – Coxim (MS)

Deslocamento Inicial – 13,85 km
Trecho Cronometrado – 438,86 km
Deslocamento Final – 213,30 km
Total do dia: 666,01 km

25/08/2017 – 6ª Etapa

Coxim (MS) – Aquidauana (MS)

Deslocamento Inicial – 59,82 km
Trecho Cronometrado – 194,91 km
Deslocamento Final – 174,72 km
Total do dia: 429,45 km

26/08/2017 – 7ª e última etapa

Aquidauana (MS) – Bonito (MS)

Deslocamento Inicial – 128,62 km
Trecho Cronometrado – 240,45 km
Deslocamento Final – 51,71 km
Total do dia: 420,78 km