Fechar
Buscar no Site
O ÓRGÃO DAS MULTIDÕES

Guardas municipais são presos por suspeita de integrar grupo de extermínio

Ambos são citados como autores de diversos homicídios em Viana e cidades adjacentes, mortes cometidas com características evidentes de grupos extermínios.

Os dois guardas teriam matado dezenas de pessoas por meio desse grupo. (Foto: Divulgação)

Por Nelson Melo

Na manhã desta quarta-feira (23), foram presos Jucélio Mendes Araújo e João Batista Aroucha Braga, conhecido como “Seu Bara”, em uma operação envolvendo duas superintendências de Polícia Civil na cidade de Viana/MA. Guardas civis municipais de lá, eles são suspeitos da prática de tentativa de homicídio e de um homicídio, sendo que ambos seriam integrantes de grupo de extermínio.

Os dois guardas municipais, de acordo com as superintendências de Polícia Civil do Interior (SPCI) e de Investigação de Homicídios e Proteção à Pessoa (SHPP), eram procurados por tentar matar Jeferson Nunes Serra, o “Jefinho”, e por ter assassinado José Raimundo Martins, crimes que ocorreram na mesma ocasião. Ademais, ambos são citados como autores de diversos homicídios em Viana e cidades adjacentes, mortes cometidas com características evidentes de grupos extermínios.

Quando os policiais cumpriam os mandados de prisão e de busca e apreensão, foram encontradas munições na casa de Jucélio, que também foi autuado em flagrante por esse tipo de crime.