Fechar
Buscar no Site
O ÓRGÃO DAS MULTIDÕES

WhatsApp tem instabilidade no mundo todo

Após reclamações de usuários, empresa confirma queda no aplicativo

(Foto: Reprodução)

O WhatsApp apresenta instabilidade na tarde desta quinta-feira (31). O aplicativo não está funcionando corretamente e alguns usuários relatam dificuldades para enviar e receber mensagens. O problema acontece em celulares Android, iPhone (iOS) e na versão web do mensageiro. Ao que parece, a falha afeta usuários no mundo todo, inclusive no Brasil. No entanto, a maior parte de reclamações na Internet vem de moradores do continente europeu, conforme mostra o site Outage Report.

A assessoria do WhatsApp confirmou ao TechTudo que o mensageiro passa por uma instabilidade, mas que o problema não é geral e deve ser solucionado em breve. A nota enviada pela empresa é curta e não apresenta detalhes: “nós estamos cientes da questão e estamos trabalhando para resolvê-la”.

O aumento de notificações de pessoas com dificuldade para usar o WhatsApp começou por volta de 12:14, no horário de Brasília, segundo o site Down Detector, que mapeia o funcionamento de serviços online. De acordo com a ferramenta, os problemas mais relatados por usuários estavam relacionados ao acesso, envio de mensagens e a uma falha geral no aplicativo.

Nesse mesmo horário, usuários começaram a reclamar no Twitter de que o mensageiro estaria fora do ar. A queda no aplicativo chegou, inclusive, aos Trend Topics do microblog. Além disso, o Google Trends também registrou um aumento na busca pelo termo “WhatsApp fora do ar”.

Aplicativos alternativos ao WhatsApp

Os usuários com problemas no WhatsApp que desejarem outras alternativas para se comunicar com os amigos podem utilizar o Telegram, principal concorrente do mensageiro. O app rival tem recursos como envio de fotos e vídeos que se autodestroem e edição de recados já enviados. Outras opções para troca de mensagens são o Facebook Messenger e o Viber. Para quem se preocupa com privacidade, o brasileiro ZapZap, o Signal e o ChatSecure podem sem alternativas.

(TechTudo / Autor: Aline Batista)