Fechar
Buscar no Site
O ÓRGÃO DAS MULTIDÕES

Diá traça estratégias para a partida em coletivo no Castelão

O técnico Francisco Diá repetiu a formação que venceu a primeira partida, com a entrada de Diego Silva no lugar de Valderrama.

Diá comandou coletivo e tem time praticamente definido para a partida (Foto: Elias Auê)

A preparação para o duelo decisivo em busca do acesso segue em ritmo intenso. O Sampaio Corrêa se cerca de todos os cuidados e traça estratégias para manter a vantagem obtida em Volta Redonda e conquistar uma das vagas à Série B do Brasileirão do próximo ano.

A programação da semana decisiva teve prosseguimento na tarde desta quarta-feira, em atividade realizada no Estádio Castelão, palco do confronto. O técnico Francisco Diá comandou um coletivo para definir a equipe titular, e repetiu a formação que venceu a primeira partida, com a entrada de Diego Silva no lugar de Valderrama.

Durante a movimentação, Diá ainda observou algumas possibilidades no meio-campo e ataque, no intuito de testar variações mediante às circunstâncias do jogo.

Peça chave da defesa boliviana, Maracás não se sustenta na vantagem obtida, e pede atenção redobrada durante os 90 minutos: “Temos consciência que será um jogo difícil. Precisamos tomar todas as precauções, estar atentos o tempo todo para não sermos surpreendidos. Vale todo o sacrifício por esse acesso”, afirmou o zagueiro boliviano.

A equipe Tricolor ainda fará mais duas atividades antes da partida, nesta quinta e sexta-feira, ambas no CT José Carlos Macieira, às 15h30.

Ingressos – A última parcial, contabilizada até as 18h desta quarta-feira, confirmou a venda de 17 mil ingressos vendidos para a partida. #VamosLotar