Fechar
Buscar no Site
O ÓRGÃO DAS MULTIDÕES

Cintra fica com o bronze na Copa Escolar de Voleibol

Em uma melhor de três sets, a equipe da rede estadual de ensino derrotou o Literato por 2 sets a zero, com parciais 25 x 19 e 25 x 20.

Equipe do Cintra. (Foto: Divulgação)

O Colégio Cintra conquistou a medalha de bronze da Copa Escolar Infanto masculina de Voleibol, competição promovida pela Federação Maranhense Voleibol ( FMV). Em uma melhor de três sets, a equipe da rede estadual de ensino derrotou o Literato por 2 sets a zero, com parciais 25 x 19 e 25 x 20. A disputa da medalha de bronze aconteceu na noite de terça-feira (03/10), no ginásio do Colégio Literato, em São Luís.

O destaque da partida, ficou com o atleta Bruno Portela, que com ótimos ataques, segurança na defesa e uma liderança incontestável, foi peça fundamental na vitória da sua equipe.

Com apenas um jogador reserva, o professor Joubert, técnico do Cintra, conseguiu manter o grupo unido e focado na partida. “Em nenhum momento deixamos o nervosismo tomar conta dos atletas, mesmo jogando na quadra do adversário e com uma equipe restrita”, comentou Joubert.

Por outro lado, a equipe do Literato, jogando em seu próprio ginásio e com o apoio da torcida, tentou de todas as formas derrotar os adversários, tanto que o placar foi bem apertado.

O grande destaque pelo lado da equipe do Literato foi Pedro Afonso, de apenas 15 anos de idade. Ele faz parte da terceira geração de uma família de atletas e apaixonados por voleibol. O médico e avô, Dr. Afonso Celso Lira Souza, foi quem iniciou como um grande atleta da seleção maranhense e do colégio Dom Bosco. Na segunda geração veio o pai de Pedro Afonso, o Afonsinho, que ainda continua jogando vôlei de areia.

As finais masculina e feminina da Copa Escolar acontecerão na semana que vem. No masculino, a disputa será entre a equipe do Colégio Militar Tiradentes e Educallis e no feminino, o Colégio Militar Tiradentes enfrenta o Upaon Açu.

A Federação Maranhense de Voleibol está confirmando para os próximos dias o início da Copa Escolar Infantil masculina e feminina. “Temos que envolver essa garotada em atividades, para que o nível técnico dessa geração cresça. E nada melhor que fazer isso com o voleibol, o segundo esporte do brasileiro e o primeiro entre os adolescentes e jovens”, finalizou o presidente da FMV, Edivaldo Pereira Biguá.