Fechar
Buscar no Site
O ÓRGÃO DAS MULTIDÕES

Polícia Civil continua trabalhando para concluir os exames periciais do assassinato de Alanna Ludmilla

A Polícia Civil continua trabalhando para concluir os exames periciais que deverão embasar a acusação e o trâmite judicial sobre o assassinato da menina Alanna Ludmila

O assassino confesso Robert Serejo passa por exames periciais

A Polícia Civil continua trabalhando para concluir os exames periciais que deverão embasar a acusação e o trâmite judicial sobre o assassinato da menina Alanna Ludmila, cujo assassino confesso é o ex-padrasto da vítima, Robert Serejo, preso na manhã desse sábado (4) quando tentava fugir em uma van com destino ao interior do estado.

Desde o primeiro momento o Instituto de Criminalística, Instituto Médico Legal, Instituto Laboratorial de Análises Forenses, Instituto de Genética Forense, Instituto de Identificação e Centro de Perícias para a Criança e o Adolescente estiveram à disposição para ajudar na elucidação do crime.

Nos dias seguintes ao fato uma equipe do Instituto de Criminalística e Medicina Legal (Icrim) foi deslocada para a residência da vítima onde foram coletados grande quantidade de vestígios, desde vestes, fragmentos de tecido, capa de colchão. Todo o material foi encaminhado ao Instituto de Genética Forense. À noite, a equipe retornou na cena do crime para nova análise com aplicação de luzes forenses em busca de mais vestígios.

“A primeira fase da investigação foi concluída com a prisão do acusado, mas os peritos continuam trabalhando nos exames para apresentar os resultados através dos laudos periciais” afirma, o Perito Criminal Miguel Alves, Superintendente de Polícia Técnico-Científica (SPTC) da Polícia Civil do Maranhão.

“Sabemos que o trabalho de perícia é feito nos bastidores pelos competentes e dedicados Peritos Oficiais, por isso não é assistido e nem revelado imediatamente, pois as conclusões só vem a público através dos laudos periciais. Só assim os peritos podem falar ou afirmar algo, depois que já se tem um resultado preciso”, concluiu.

Carregando