Fechar
Buscar no Site
O ÓRGÃO DAS MULTIDÕES

Liga da Justiça bate recorde na estreia no Brasil

Os quadrinhos da DC Comics continuam em alta no Brasil.

© Divulgação CINEMA – Flash (Ezra Miller), Batman (Ben Affleck) e Mulher-Maravilha (Gal Gadot): elenco impecável de Liga da Justiça

Os quadrinhos da DC Comics continuam em alta no Brasil. Nesta semana, o lançamento nacional de Liga da Justiça, filme que une pela primeira vez personagens como Batman, Mulher-Maravilha, Aquaman, Flash e Ciborgue, quebrou, segundo a distribuidora Warner no Brasil, vários recordes. A começar pelo de estreia mais rentável do país. Em um único dia em cartaz, o longa arrecadou cerca de 13,1 milhões de reais, superando o antigo líder, Saga Crepúsculo: Amanhecer – Parte 2 (2012), com 11 milhões de reais.

Deixou também para trás Velozes e Furiosos 8, que até então ostentava a melhor estreia de 2017, com 7,8 milhões de reais. Mais: com a aposta no feriado de quarta-feira, 15 de Novembro, a DC bateu a rival Marvel, que fez 10,1 milhões de reais quando Capitão América: Guerra Civil (2016) chegou às telas.

Ainda não foram divulgados quantos espectadores viram o longa, apenas o total arrecadado. Segundo o site especializado Filme B, que realiza análises do mercado cinematográfico, a reunião dos super-heróis da DC Comics entrou em cartaz em 1.580 salas.

O público brasileiro costuma abraçar as adaptações baseadas nos quadrinhos da DC e tem colocado o país entre seus principais mercados. Ainda este ano, Mulher-Maravilha passou da marca dos 100 milhões de reais (na época, cerca de 23 milhões de dólares), deixando o Brasil em terceiro lugar na arrecadação mundial, atrás de Estados Unidos e China.

Antes disso, Batman vs Superman: A Origem da Justiça (2016) por pouco não roubou o terceiro lugar do México, alcançando os 130,8 milhões de reais.

 

(VEJA.com / Autor: Lucas Almeida)

Carregando