Fechar
Buscar no Site
O ÓRGÃO DAS MULTIDÕES

Marlon destaca a vontade de vencer do grupo para ter um 2018 positivo

Entre velhos amigos e as caras novas, Marlon ressalta um fato em comum: a força de vontade.

Marlon trabalha forte para ter um 2018 ainda mais vitorioso (Foto: Elias Auê)

O ano de 2017 ainda está vivo na memória do torcedor boliviano, e o acesso para a Série B é pauta constante nas rodas de bate-papo, principalmente no que se refere aos personagens dessa conquista.

Marlon é sempre um nome citado. Remanescente do grupo vitorioso, o meia Tricolor voltou com tudo das férias, e só pensa em repetir a boa campanha na próxima temporada: “Após um período bom de descanso, em que eu me desliguei totalmente do futebol, retornei focado, assim como todo o grupo, disposto a fazer uma boa pré-temporada, para almejarmos um ano ainda melhor do que tivemos”, ressaltou.

Entre velhos amigos e as caras novas, Marlon ressalta um fato em comum: a força de vontade: “O clube teve o mérito de manter boa parte da base, que vai servir de suporte para os novos companheiros. Chegou uma rapaziada boa, jovem, e com muita vontade de vencer. Tenho certeza que a equipe vai dar aquela chamada ‘liga’ e iremos brigar forte em todas as frentes”, afirmou o meia Tricolor.

Quando fala-se em competições, Marlon lembra o calendário cheio que o Sampaio terá pela frente, e não pensa em priorizar nenhum desafio: “Teremos quatro competições em 2018, e a ideia é brigar pela ponta em todas. No Maranhense, seremos o time a ser batido, e estamos em um grupo forte na Copa do Nordeste, mas temos condições de disputar em igualdade de condições, assim como na Copa do Brasil. A intenção é chegar na Série B em um nível elevado e realizar uma boa participação”, frisou.