Fechar
Buscar no Site
O ÓRGÃO DAS MULTIDÕES

Operação pretende reduzir acidentes nas rodovias federais que passam pelo Maranhão

Durante o início da operação Rodovida, motoristas foram orientados sobre as condutas a serem adotadas para uma viagem tranquila

Foto: Gilson Ferreira

A Campanha Rodovida foi lançada na manhã de ontem (22), no posto da Polícia Rodoviária Federal (PRF), no bairro de Pedrinhas; ocasião na qual todos os veículos que seguiam viagem foram obrigados a fazer uma parada para vistorias e receber orientações sobre boas condutas no trânsito.

Nas primeiras horas da operação, a PRF registrou um fluxo intenso de veículos na saída de São Luís, pois muitas pessoas já estavam pegando a estrada para passar as festas de final de ano no interior e também em estados vizinhos.

Logo nas primeiras abordagens, um ônibus com destino à cidade de Pirapemas, no Maranhão, foi flagrado com lotação acima da capacidade permitida. O motorista foi autuado pelo excesso no transporte de passageiros, cometendo uma infração considerada gravíssima, que resulta na perda de cinco pontos na carteira de habilitação; os passageiros que se encontravam de pé foram convidados a descer do ônibus e seguir viagem em outro veículo.

Segundo o inspetor Antônio Noberto, do Núcleo de Comunicação da PRF no Maranhão, a operação Rodovida acontece com o objetivo de coibir esse tipo de conduta, uma vez que o transporte de
passageiros acima da capacidade pode incorrer em acidentes, principalmente caso seja necessário fazer uma frenagem brusca.

“Mesmo com esse tipo de ocorrências, acredito que os condutores estão cada vez mais conscientes ao pegar a estrada. A pressa de chegar ao destino muitas vezes é um fator preponderante às infrações e acidentes, e a operação Rodovida acontece para orientar os motoristas acerca das medidas de segurança que devem ser adotadas para uma viagem tranquila, na ida e na volta”, reforçou o inspetor Noberto.

A operação Rodovida será realizada em todas as rodovias federais que passam pelo Maranhão, além dos postos fixos, com o auxilio do efetivo da PRF, radares fixos e móveis, monitorando o excesso de velocidade, ultrapassagens indevidas, consumo de bebida alcoólica, atropelamento de pedestres e trânsito irregular de motocicletas, infrações bastante registradas nesse período, que
podem resultar em ocorrências graves e mortes nas estradas.

Entre as operações realizadas pela PRF durante o ano, a Rodovida, que compreende períodos de festas, recesso e férias escolares, é a que mais registra ocorrências. Uma das causas para a incidência de acidentes neste período está no aumento da frota de veículos e da população, tendo a BR-316 com o maior número de acidentes fatais.

“A movimentação em nossas estradas nesse período é grande, por isso é importante ter prudência ao pegar a estrada, evitando cometer infrações que podem custar a vida, por exemplo”, disse a funcionária pública Aline Tavares, que pegou a estrada com destino a Coelho Neto. A operação acontece em nível nacional, e no Maranhão conta com o reforço de instituições como o Detran, por meio da Coordenação de Educação para o Trânsito, da ONG Observatório do Trânsito e SOS Vidas, da Marçonaria; e da Secretaria Municipal de Trânsito e Transportes de São Luís
(SMTT).

Carregando