Fechar
Buscar no Site
O ÓRGÃO DAS MULTIDÕES

Ana Areias mostra inéditas em pocket show

Com banda, cantora apresenta canções autorais e clássicos do pop e rock.

Show da cantora Ana Areias, na próxima sexta, 12. (Foto: Perla Berwanger)

A cantora e compositora Ana Areias apresenta canções inéditas e covers de clássicos do pop e do rock em pocket show que ocorrerá na sexta-feira, 12 de janeiro, às 22 horas, no bar e restaurante Farol da Esquina, na Lagoa Ana Jansen, em noite musical com o DJ Jorge Choairy.

Vivendo novo momento na carreira, Ana Areias aproveita a oportunidade para mostrar algumas das canções que poderão fazer parte de seu primeiro disco solo, que está em fase de pré-produção. “É uma oportunidade para interagir com as pessoas, compartilhar essas ideias e sentimentos, além de sentir como as canções funcionam no palco”, diz a compositora.

As novas canções são fruto do trabalho com antigos parceiros como Assis Medeiros e Hamilton Oliveira, e novos como Chico Nô e Madian Filho. “Ainda estamos em pleno processo de composição, fazendo experimentos e criando coisas novas a cada momento, a cada encontro”, revela Ana, que mantém o blog literário Café com Leite (http://ana-areias.blogspot.com.br/) e no qual escreve poemas e narrativas livres sobre si mesma e sobre o mundo.

Das postagens no blog saíram motes importantes para as canções e que também representam bem o momento vivido por Ana, como nos versos de Flâneur, post de 5 de agosto de 2017: “resolvi tomar um atalho pelo caminho mais lento/ escolhi o caminhar caprichoso, o gole preguiçoso”. Ou como na fala de um dos personagens de Ignição, post de 29 de outubro de 2017: “– a vontade de seguir já é meio caminho andado”. Assim, no show e no disco, veremos uma Ana Areias com energia para buscar novas rotas, mas que não quer percorrer a estrada com a pressa de quem chega lá perdendo o bom da viagem.

CAFÉ COM LEITE – Fundado por Ana há nove anos, o blog foi o ponto de partida para a criação das letras e para a articulação com os parceiros que estão compondo as melodias especialmente para o disco – por enquanto intitulado Café com Leite. “Continuo escrevendo os textos e os poemas lá no blog, e junto com o Hamilton vou transformando tudo em possíveis letras de música. É um processo instigante, às vezes novas ideias vão surgindo durante essa transformação e a obra se torna algo bem distinto do que era no blog, outras vezes retrata bem aquele sentimento inicial da postagem”, conta.

Segundo a compositora, a preparação do show já está proporcionando novas abordagens e mudanças significativas em algumas canções. “É um momento rico esse dos ensaios, o encontro com os músicos, os experimentos… Os caminhos musicais descobertos que acabam levando a outras ideias, outros poemas, outras narrativas… é muito bacana!”, comenta Ana sobre o trabalho ao lado de Guilherme Raposo (direção musical, programação e guitarra), Hamilton Oliveira (baixo) e Franklin Nazareno (bateria).

Carregando