Fechar
Buscar no Site
O ÓRGÃO DAS MULTIDÕES

Pré-carnaval anima comércio no Centro Histórico de São Luís

Foliões de todas as idades têm aproveitado a alegria pré-carnavalesca no Centro Histórico de São Luís.

Multidão lota Centro Histórico durante programação do Pré-Carnaval de Todos. (Foto: Orcenil Jr)

Foliões de todas as idades têm aproveitado a alegria pré-carnavalesca no Centro Histórico de São Luís. Fantasiados, em família ou com grupos de amigos, quem tem lotado os blocos que circulam por diferentes pontos nos finais de semana, também tem feito a festa dos comerciantes.

Atendente de um bar e restaurante localizado na Rua da Estrela, Adriana Alves Siqueira conta que nesse período seus rendimentos diários já aumentaram em torno de 50%. Com o aumento da demanda, o restaurante inclusive aumentou o número de funcionários.

“O movimento está muito bom sim, tanto que aqui antes só trabalhavam três pessoas à noite e agora são oito atendentes, são empregos temporários, mas que são muito bons para quem tem a oportunidade, e para a gente que já trabalha melhorou uns 50% no que a gente tira por dia”, contou.

Para ela, um ponto que tem feito a diferença é a segurança: “Agora sempre tem a polícia e para a gente é bom porque aumenta o movimento de pessoas vindo pra cá e também é mais segurança”.

Vendedora ambulante de lanches em um dos outros pontos de folia, dessa vez na Fonte do Ribeirão, Solange Andrade já tem planos para a renda extra que está conseguindo fazer com as vendas do período: “Período de carnaval não tem crise, então a gente tem que aproveitar. Eu vou pegar essa renda extra que estou fazendo aqui para estudar, vou pagar o meu curso de Logística”.

Diversidade cultural

Para quem sai de casa para aproveitar a festa, a alegria e diversidade são também grandes atrativos, como declarou a professora Simone Serra, acompanhada do esposo Luis Rodrigues e dos filhos.

“A gente veio prestigiar o carnaval, aproveitar nossa cultura que é plural, que engloba várias brincadeiras, como o tambor de crioula, outras atrações, e aproveitar para já mostrar para os nossos filhos o quanto é importante e valorosa a nossa cultura”.

“É a primeira vez que estamos vindo esse ano, tem polícia, a programação é variada e estamos gostamos muito”, completou.

A amazonense Paula Barros escolheu a Fonte do Ribeirão para aproveitar a festa no último sábado (20). Ela, que há alguns anos não gostava de carnaval, se apaixonou não só pela festa de São Luís como também conheceu o esposo João Rafael em um bloco de rua. A união e a mudança para a capital maranhense já dura dois anos.

“Já tinha participado de blocos de carnaval em outros lugares do país e não gostava porque sempre tinha confusões e aqui não, é tranquilo, é seguro, as pessoas se divertem mesmo na rua, é maravilhoso”, completou.

Segurança

O policiamento no período pré e carnavalesco é feito em parceria com Batalhões como os 8º e 9º BPMs, Choque, da Ronda Ostensiva Tático Móvel (Rotam), da Cavalaria da PM e de órgãos parceiros, entre eles o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), Blitz Urbana e agentes da Secretaria Municipal de Trânsito e Transporte de São Luís (SMTT).

Nas áreas de festa, guarnições a pé, cavalaria, viaturas e motocicletas fazem a segurança dos foliões. Além das revistas e abordagens preventivas, os policiais também receberam treinamento específico para tratamento das denúncias de assédio.

No entorno das festividades, blitzen regulares também estão sendo realizadas. Além dos testes de bafômetro para inibição da circulação de motoristas alcoolizados, as abordagens visam a fiscalização dos veículos, coibindo também práticas criminosas como porte ilegal de armas e drogas.

 

(Secap)

Carregando