Fechar
Buscar no Site
O ÓRGÃO DAS MULTIDÕES

Vasco tenta confirmar vaga diante do Jorge Wilstermann

O time brasileiro visita o Jorge Wilstermann nesta quarta-feira, às 21h45, no Estádio Olímpico Pátria, em Sucre, na Bolívia.

Vasco tem vaga encaminhada após jogo em casa (Foto: Paulo Fernandes/Vasco.com.br)

Após golear por 4 a 0 na partida de ida, no Rio de Janeiro, o Vasco tenta confirmar a classificação para a fase de grupos da Copa Libertadores. O time brasileiro visita o Jorge Wilstermann nesta quarta-feira, às 21h45, no Estádio Olímpico Pátria, em Sucre, na Bolívia. O Cruz-Maltino pode perder por três gols de diferença que mesmo assim vai se classificar. Como os gols anotados como visitante valem para critérios de desempate, os bolivianos se garantem apenas se golearem por cinco ou mais gols de vantagem. Caso devolva os 4 a 0 os anfitriões vão forçar a disputa de pênaltis.

Apesar da larga vantagem obtida na partida de ida os vascaínos são cautelosos, uma vez que a altitude de 2.800 metros de Sucre é um motivo de preocupação. Tanto que os vascaínos só vão chegar ao local do jogo horas antes do confronto, a fim de minimizar os efeitos.

“Vai ser complicado. Vamos ter pela frente um adversário que chega mordido e que joga na altitude. Sabemos como é complicado jogar lá. Mas não podemos mudar as nossas características e a nossa constante busca pelo gol”, disse o técnico Zé Ricardo, que vai repetir a escalação que goleou na semana passada, apesar de não ter antecipado a formação na conversa com os jornalistas antes do jogo.

Apesar o temor da altitude, os vascaínos prometem uma postura ofensiva. “Se ficarmos recuados, esperando que o adversário dite o ritmo do jogo na altitude nós com certeza vamos pagar um preço muito alto. Não podemos cair neste erro. A altitude joga a favor deles e se tiverem o nosso campo o tempo todo para chutar e cruzar vamos acabar levando os gols e nos complicaremos. Respeitamos o Jorge Wilstermann e por isso mesmo queremos o resultado positivo”, disse o zagueiro Paulão.

Pelo lado do Jorge Wilstermann, o técnico Alvaro Peña tenta motivar seus jogadores, trabalhando no sentido de mostrar que é possível ganhar na Bolívia e se classificar. “Nós temos que ir a campo pensando em ganhar. O primeiro gol, depois o segundo e por aí vai. Sabemos que somos fortes em casa. A tarefa é complicada, mas não impossível”, afirmou o treinador do time boliviano.

Quanto à escalação, os bolivianos vão manter a base do confronto de ida, apesar da goleada. No fim de semana o Jorge Wilstermann ganhou por 1 a 0 do Oriente Petrolero, mesmo jogando com um time misto, pelo Campeonato Boliviano.

Quem se classificar no encontro desta quarta-0feira vai ingressar no Grupo 5 da Copa Libertadores, tido como a “Chave da Morte”, que conta com Cruzeiro, Universidad de Chile e Racing da Argentina.

FICHA TÉCNICA
JORGE WILSTERMANN-BOL X VASCO-BRA

Local: Estádio Olímpico Pátria, em Sucre (Bolívia)
Data: 21 de fevereiro de 2018 (Quarta-feira)
Horário: 21h45(de Brasília)
Árbitro: Wilmar Roldán (Colômbia)
Assistentes: Alexander Guzmán (Colômbia) e Cristian de la Cruz (Colômbia)

JORGE WILSTERMANN: Arnaldo Giménez, Alejandro Meleán, Alex Silva, Ronny Montero e Edward Zenteno; Juan Aponte, Fernando Saucedo, Cristhian Machado e Marcelo Bergese; Serginho e Lucas Gaúcho
Técnico: Alvaro Peña

VASCO: Martín Silva, Yago Pikachu, Paulão, Ricardo e Henrique; Leandro Desábato, Wellington, Wágner e Evander; Paulinho e Andrés Ríos
Técnico: Zé Ricardo

 

(Gazeta Press)

Carregando