Fechar
Buscar no Site
O ÓRGÃO DAS MULTIDÕES

Mães da UFMA debate sobre realidade das mulheres na universidade

Pensando nas mulheres que precisam trabalhar, estudar e ensinar, o Governo aprovou a lei de direitos sexuais e reprodutivos

Foto: Tuyuka Lara/ Coletivo Mães UFMA

Ser mulher no meio acadêmico não é fácil, imagine ser mulher e mãe no meio acadêmico, seja ela como professora, aluna, supervisora entre outros. Imaginou? Se pararmos para analisar, a vida dessas mulheres que lutam diariamente pelo direito de estudar e trabalhar não deve ser fácil.

Pensando nas mulheres que precisam trabalhar, estudar e ensinar, o Governo aprovou a lei de direitos sexuais e reprodutivos, que garante a todas as mulheres direitos que as ajudem durante a sua caminhada universitária e profissional.

Entretanto esses direitos inseridos na lei muitas vezes não são saem do papel. Pensando nisso, a Universidade Federal do Maranhão (UFMA), por meio das alunas do Coletivo Mães da UFMA, promoveu nesta sexta-feira (8) das 16:00h às 19:00h, no Centro de Ciências Humanas – CCH da UFMA, debate em busca de melhorias para essas mulheres na instituição.

Entre as reivindicações debatidas está a construção de uma creche, com funcionamento nos três turnos; fraldários acessíveis; espaço kids em todos os eventos que a universidade propor; livre acesso das crianças acompanhadas de seus respectivos responsáveis em espaço como o restaurante universitário e a biblioteca; espaço no laboratório de informática com computadores e espaço kids para as mães/pais utilizarem com seus filhos e ampliação do auxílio pré-escola da UFMA.

Carregando