Fechar
Buscar no Site
O ÓRGÃO DAS MULTIDÕES

Campanha ‘Junho Vermelho’ chama atenção para importância da doação de sangue

Ação tem o objetivo de criar nas pessoas a cultura da doação e conseguir, assim, um número seguro de doadores regulares

As doações são essenciais para manter os estoques de plaquetas, que ajudam no controle de sangramentos e são usadas em tratamentos contra o câncer, por exemplo (Foto: Reprodução)

Com a intenção de conscientizar a população sobre a importância da doação de sangue, o Instituto de Hematologia e Hemoterapia do Maranhão (Hemomar) aderiu a campanha “Junho Vermelho”, no 24º Batalhão de Infantaria Leve, em São Luís.

O objetivo é conscientizar para a importância do ato de doar. O sangue não tem substituto, por isso, a doação voluntária é fundamental e pode salvar vidas. Toda pessoa em boas condições de saúde pode doar sangue sem qualquer risco.

O Ministério da Saúde estabelece que, para ser um doador, o voluntário precisa ter idade mínima de 16 anos e máxima de 69 anos, pesar no mínimo 50 quilos, não ter ingerido bebida alcoólica no dia anterior e não ter doenças sanguíneas.

O doador passará por triagens clínicas e sanguíneas. Ele precisa estar alimentado para evitar passar mal durante o processo. A coleta dura em torno de 20 minutos. Entre uma doação e outra é necessário respeitar o intervalo para reposição de ferro pelo organismo.

Além do Hemomar, participam da campanha os sete Núcleos de Hemoterapia localizados nas cidades de Imperatriz, Balsas, Santa Inês, Caxias, Pedreiras, Pinheiro e Codó. Na capital, os interessados podem se dirigir a sede do Hemomar.

Carregando