Fechar
Buscar no Site
O ÓRGÃO DAS MULTIDÕES

Homem encontrado morto em rio de Imperatriz permanece sem identificação

A vítima continha mais de 15 perfurações de arma branca e foi jogada nas águas com uma pedra pesada amarrada aos pés

Momento em que o corpo foi observado do alto pelo CTA. (Foto: Divulgação)

Por Nelson Melo

A Delegacia Regional de Imperatriz tenta descobrir o nome de um homem que foi encontrado morto no Rio Tocantins, perto da Praia do Cacau, naquela cidade, no sudoeste do Maranhão, na noite desta quarta-feira (11). A vítima continha mais de 15 perfurações de arma branca e foi jogada nas águas com uma pedra pesada amarrada aos pés.

O cadáver foi localizado por uma equipe do Centro Tático Aéreo (CTA), que sobrevoava a região e observou do alto um corpo no rio. De imediato, acionou o Corpo de Bombeiros Militar (CBM), que resgatou a vítima e levou para a terra firme. Além da pedra amarrada aos pés, para que o homem afundasse, o que também impressionou os militares foi a quantidade de facadas, em várias partes, como tórax, pescoço e abdômen.

A Polícia Civil apura se o crime foi cometido por questões de acerto de contas relacionado ao tráfico de drogas, uma vez que, nos últimos meses, a disputa por pontos de vendas de entorpecentes se acirrou em Imperatriz devido à presença de facções criminosas. O corpo foi levado ao Instituto Médico Legal (IML), onde está sendo analisado pelos peritos criminais.

 

Carregando