Fechar
Buscar no Site
O ÓRGÃO DAS MULTIDÕES

Presos dois homens que atiraram em vigilante dos Correios em Presidente Juscelino

Um dos suspeitos estava na Casa de Albergado, no Monte Castelo, em São Luís, onde dormia à noite e passava o dia fora

Foto: Reprodução

Durante este fim de semana, as polícias Civil e Militar conseguiram prender os dois homens envolvidos na tentativa de latrocínio contra um vigilante na cidade de Presidente Juscelino, na Região do Munim, fato ocorrido na porta dos Correios na sexta-feira (20). Um dos suspeitos estava na Casa de Albergado, no Monte Castelo, em São Luís.

Comandante do 27º Batalhão de Polícia Militar (BPM), major Pereira explicou que o primeiro preso foi Islan Eduardo Martins Macêdo, de 26 anos, natural de São Luís. Ele, que possui uma extensa ficha criminal por delitos diversos, foi encontrado no Povoado Bom Tempo, por volta das 10h de sábado (21). Conforme o oficial, ele foi identificado após análise das imagens de circuito interno dos Correios.

Quando a equipe do 27º BPM chegou ao local para capturá-lo, Islan, no desespero, correu e entrou em uma residência localizada no matagal, mas foi preso depois de alguns minutos. Ele confessou o crime e forneceu informações sobre o comparsa, Pedro Humberto Coelho Barçante, 42, que foi encontrado à noite, perto das 18h do mesmo dia, no bairro Monte Castelo, na capital maranhense.

O major frisou que Pedro Humberto é detento do regime aberto e foi capturado quando chegava ao albergue, onde apenas dormia à noite e passava o dia fora. Este homem foi preso em uma operação conjunta envolvendo o 27º BPM e a Delegacia Regional de Rosário.

Carregando