Fechar
Buscar no Site
O ÓRGÃO DAS MULTIDÕES

Interditada por manifestantes BR-222 entre Santa Inês e Santa Luzia do Tide é liberada nesta sexta

A interdição teve início na manhã de quinta-feira (26) e os manifestantes reivindicam a construção de quebra molas e mais segurança nas estradas da região

Populares construindo valas para reivindicarem mais segurança nas estradas entre Santa Inês e Santa Luzia. (Foto: Divulgação)

A BR 222, no km 368, entre Santa Inês e Santa Luzia (do Tide), que tinha sido interditada nessa quinta-feira (26) por manifestantes, que reivindicam a construção de quebra-molas no local, foi liberada nesta sexta-feira (27).

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) estimou um total de 100 manifestantes, com ânimos exaltados, querendo a construção de três quebra-molas.

O protesto teria começado após um acidente com um motociclista, que ficou ferido. Equipes da PRF se deslocaram para o referido local.

Enquanto a ação de desobstrução se desenrola, os usuários têm opção de desvio em local relativamente próximo da interdição, entrando na localidade Chica Abreu e saindo no Barro Vermelho. Desde ontem o trânsito foi opcional para quem transitava no local da manifestação.

Pelo desvio estão passando, ônibus, caminhões, carretas e carros de passeio.
É importante os usuários se informarem na Unidade Operacional de Santa Inês sobre o local do desvio. O DNIT já está preparado para fechar as duas valas abertas.

Nota do DNIT

A população se manifesta pedindo a construção de um quebra-molas devido a um atropelamento, com vítima, ocorrido no local. O DNIT se solidariza com os familiares da vítima e informa que:

Nas rodovias federais os quebra-molas só podem ser feitos após a realização de estudo de tráfego, no qual fique comprovado a real necessidade de construí-los em determinado local.
Esse estudo demanda tempo, segue um trâmite legal e não pode ser executado no calor da situação atual. Esse caso será analisado pelo DNIT.
O DNIT solicitou à PRF/MA apoio na desobstrução da via, para que a pista danificada pelos populares possa ser restaurada e o tráfego liberado.
São Luís, 27 de julho de 2018

Superintendência Regional do DNIT no Maranhão

Carregando