Fechar
Buscar no Site
O ÓRGÃO DAS MULTIDÕES

Cruzeiro x Flamengo – Rubro-negro busca “missão impossível” na Libertadores

Derrotado por 2 a 0 na ida, o Flamengo precisa fazer com que o Cruzeiro perca por três gols pela primeira vez no ano

(Foto: Reprodução)

Com uma ótima vantagem construída no duelo de ida, o Cruzeiro enfrentará o Flamengo nesta quarta-feira, às 21h45, no estádio do Mineirão, em Belo Horizonte – MG, no confronto de volta das oitavas de final da Libertadores.

O resultado de 2 a 0 em pleno Maracanã deixa o time cruzeirense podendo perder por um gol de diferença. O Flamengo precisa de ao menos três gols, sendo dois de vantagem, para conseguir a classificação de forma direta. Caso o Rubro-negro vença por 2 a 0, a classificação será decidida nos pênaltis.

A missão rubro-negra é considerada bastante complicada porque o Cruzeiro ainda não perdeu nenhum jogo por três gols de diferença nesta temporada e em apenas seis oportunidades o time comandado por Mano Menezes foi derrotado por dois gols.

MISTÉRIO NA RAPOSA
Para quarta, Mano preferiu seguir com mistério e escondeu a escalação. As principais dúvidas estão na lateral direita e no ataque. Edílson se recuperou de contusão, mas ainda está sem o ritmo de jogo ideal e, por isso, Romero pode seguir na vaga. No setor ofensivo, Barcos segue sem convencer e vê Raniel aparecer como concorrente.

O zagueiro Dedé pediu aos companheiros de Cruzeiro que esqueçam a vantagem alcançada no jogo de ida e que todos entrem em campo contra o Flamengo como se o confronto estivesse 0 a 0 “Esse placar a gente só vai pensar na parte final. Vamos entrar como se estivesse 0 a 0. Temos que ter inteligência para jogar. Temos que fazer o melhor possível para não ter nenhum tipo de erro.”

SEM GRANDES MUDANÇAS
Barbieri, que preferiu não revelar a escalação do Flamengo para o confronto com o Cruzeiro, já adiantou que não pretende realizar grandes alterações no time. E destacou que será necessário aproveitar as chances que surgirem.

“Não adianta pensar que na véspera do jogo faremos grandes modificações. São os detalhes que fazem a diferença. Temos o resultado adverso, mas precisamos criar as chances, buscar espaços e quando aparecerem as oportunidades, a gente concluir. O Cruzeiro aproveitou no primeiro jogo as oportunidades que teve, a gente não. Amanhã queremos o contrário pra fazer o resultado e sair com a classificação”, comentou.

Barbieri também apontou Lucas Paquetá como um trunfo do Flamengo para o duelo com Cruzeiro, lembrando que o jovem meia não pôde atuar no duelo de ida com o Cruzeiro por estar suspenso e agora retorna ao time.

Ficha Técnica

Cruzeiro-BRA: Fábio; Lucas Romero (Edílson), Dedé, Léo e Egídio; Henrique, Lucas Silva, Robinho, Thiago Neves e Arrascaeta; Barcos (Raniel). Técnico: Mano Menezes

Flamengo-BRA: Diego Alves; Rodinei, Réver, Léo Duarte e Renê; Cuéllar, Lucas Paquetá, Diego e Everton Ribeiro; Vitinho e Henrique Dourado. Técnico: Mauricio Barbieri

Carregando