Fechar
Buscar no Site
O ÓRGÃO DAS MULTIDÕES

IEMA é a primeira escola do Maranhão a integrar o sistema da Unesco

Pela primeira vez na história a educação maranhanse tem uma instituição inserida entre as escolas associadas da UNESCO

Foto: Reprodução

A Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura (Unesco), realizou quarta-feira (12), na cidade de Salvador, evento onde instituiu o Instituto Estadual do Maranhão (IEMA) como a primeira instituição maranhense a integrar o sistema da PEA.

Em suas redes sociais, o reitor Jhonatan Almada falou um pouco de como foi receber a honraria, e também agradeceu a todos os envolvidos pelo feito.

“Estou na Bahia recebendo o reconhecimento do Iema como uma escola associada da Unesco. Ela é a única escola do Maranhão a receber essa distinção. Agradecer faz bem alma, por isso quero agradecer aos nossos técnicos, professores, gestores, estudantes porque essa conquista é fruto de um trabalho de equipe, e mais uma vez muito obrigado. E um agradecimento especial também ao governador Flávio Dino que tornou isso possível”, afirmou.

Segundo dados da Unesco, o Maranhão é o 8º Estado da região Nordeste a ganhar tal benefício. Um feito inédito na educação do estado.

O Projeto da Rede de Escolas Associadas da Unesco (PEA), comumente referenciado como Escolas Associadas da UNESCO, foi fundado em 1953, é uma rede mundial com mais de 8.500 instituições educacionais em 180 países.

As instituições associadas, que incluem creches, pré-escolas, escolas primárias, secundárias, técnicas, além de instituições de formação de professores, trabalham para apoiar e colocar em prática a compreensão internacional, a paz, o diálogo intercultural, o desenvolvimento sustentável e a educação de qualidade.

Carregando