Fechar
Buscar no Site
O ÓRGÃO DAS MULTIDÕES

Esgotos a céu aberto e buracos atormentam moradores da Península em São Luís

O problema já dura mais de dois anos sem solução

Esgotos a céu aberto incomodam moradores há dois anos

Moradores da Península da Ponta d’Areia, um dos metros quadrados mais caros de São Luís, especialmente aqueles que precisam trafegar pela Avenida Nina Rodrigues, reclamam que há mais de dois anos convivem com esgotos a céu aberto e buracos, sem que o problema seja resolvido pelo poder público.

Além disso, reclamam que os órgãos competentes não notificam os proprietários de terrenos localizados na rua 20, localizada atrás de um hotel, onde parte do muro desabou há alguns anos e está sendo usado como lixão, facilitando a proliferação de diversos insetos e outros animais.

Regina Oliveira, moradora do bairro há três anos, afirma que a situação é crítica e que por diversas vezes já foi solicitado à Caema e à Secretaria Municipal de Obras e Serviços Públicos de São Luís (Semosp) uma solução, o que, segundo ela, nunca foi feito.

“Na rua 20 o muro está no chão desde que me mudei para cá. Nunca houve uma manifestação por parte dos proprietários do terreno e hoje o que se vê é entulho em cima de entulho, um fedor insuportável, além de animais e insetos prontos para proliferarem doenças. Com o asfalto a Prefeitura de São Luís jogou uma terra batida que, na primeira chuva, vai se desmanchar, deixando o tráfego de veículos e de pedestres interrompido”, reclamou a moradora.

Na rua 20 um terreno serve de lixão e acumula sujeira e doenças

Outro morador, que preferiu não se identificar, afirma que já cansou das promessas de solução por parte da Caema para a Avenida Nina Rodrigues. “Eles vem aqui, fazem um remendo qualquer, o esgoto para mas, em cinco dias volta tudo de novo. Para piorar o asfalto está cedendo, os buracos ficam encobertos e o prejuízo vem depois.” Ainda segundo ele, é comum em dias de chuva forte a área ficar alagada por falta de um sistema de escoamento.

“Parece que não há escoamento de água nessa área da Avenida. Basta uma chuva forte para que não se tenha vazão e o que se vê é o caos em plena área dita nobre”, reclamou.

Esgoto “brota” de um dos bueiros localizados na Avenida Nina Rodrigues

 

Em nota, a Companhia de Saneamento Ambiental do Maranhão (Caema) afirmou que enviou equipe técnica ao local e esta segue atuando na região, realizando diversos serviços de manutenção. Segundo a empresa, ainda nesta terça-feira (6), consta na programação do órgão a limpeza de uma Estação Elevatória de Esgoto na área, o que garantirá melhoria no fluxo de esgoto da Avenida Nina Rodrigues.

Ainda segundo a nota, outra Estação Elevatória que atende a localidade passa por manutenção e no final da semana estará pronta para operação novamente.

A Companhia reitera que vem realizando intervenções para a melhoria do escoamento de esgoto e que faz vistorias constantes para minimizar quaisquer adversidades.

Carregando