Fechar
Buscar no Site
O ÓRGÃO DAS MULTIDÕES

Estudante do IFMA é selecionada para festival na Noruega

O festival contará com representantes da Organização das Nações Unidas (ONU)

A estudante do Curso de Tecnologia em Construção de Edifícios do Instituto Federal do Maranhão (IFMA) Campus Santa Inês, Juliana Protacio dos Santos, é a mais nova selecionada para o The Internation Student Festival in Trondheim (ISFiT), o maior festival de estudantes do mundo.

O festival trata de temas políticos e econômicos de relevância internacional e acontece em fevereiro, na cidade de Trondheim, na Noruega. A estudante será a representante do IFMA no festival que vai contar com representantes da Organização das Nações Unidas (ONU) e de outras entidades com a finalidade de encontrar soluções para o tema “Migração: Um quebra-cabeça global”.

 

O edital de seleção do ISFiT 2019 pedia que os candidatos escrevessem um artigo relatando de forma breve o seu envolvimento com trabalhos sociais dentro de sua comunidade. “No meu relato eu falo sobre um dos trabalhos realizados pelo Núcleo de Estudos Afrobrasileiros e Indiodescendentes (NEABI – Campus Santa Inês), que é a valorização da estética e beleza negra como forma de educar o olhar. É um trabalho que parte de fotografias e rodas de conversas com adolescentes para tentar revelar a beleza de cada participante como única e, também, combater o racismo”, explicou Juliana.

(Foto: Divulgação)

“Eu relato, ainda, o trabalho educacional e de grande valia para a sociedade de Santa Inês que é realizado por uma professora chamada Araguaci. Foi ela quem me oportunizou enxergar a educação com outros olhos ao fazer parte desse trabalho social que é a educação sem distinção. Termino o meu artigo contando sobre o trabalho que eu tenho prestado em uma escola com tutorias de ensino sociológico para adolescentes e sobre o trabalho voluntário que já realizei fora do país com imigrantes”, concluiu Juliana dos Santos.

A estudante contou que o Campus Santa Inês lhe proporcionou diversas experiências em trabalhos políticos e sociais durante a sua vida acadêmica. “Poder ir a Noruega e relatar o trabalho que fazemos no NEABI certamente será uma experiência extremamente gratificante para toda a comunidade. E, claro, uma troca de saberes e um momento de grande aprendizagem. Ser selecionada para participar do ISFiT 2019 é uma grande honra. Sou grata a todos que acreditam que podemos mudar o mundo independente do lugar/posição em que estamos”, disse.

O FESTIVAL

A organização do ISFiT 2019 propõe uma programação de eventos culturais, oficinas e grupos de diálogo, em um ambiente multicultural. Durante o festival, que começa no dia 8 de fevereiro e vai durar 10 dias, será concedido o Prêmio da Paz do Estudante (Student Peace Prize) para uma organização ou indivíduo que se esforce para a paz e a compreensão, em vez da violência.

Para dialogar com os participantes, diversas personalidades e autoridades globais já passaram pelo ISFiT, como Dalai Lama, Desmond Tutu e Shirin Ebadi. Todos eles já foram ganhadores do Prêmio Nobel da Paz. Passaram por lá também lideranças como Kate Gilmore, alta secretária adjunta para direitos humanos da ONU.

Carregando