Fechar
Buscar no Site
O ÓRGÃO DAS MULTIDÕES

PDF oportunizou este ano mais de R$ 400 milhões em negócios

O PDF existe há 19 anos, sendo gerido pela Fiema em parceria com o Governo do Estado, por meio da Secretaria de Estado de Indústria, Comércio e Energia (Seinc)

Foto: Reprodução

Os executivos das empresas apoiadoras e mantenedoras do Programa de Desenvolvimento de Fornecedores do Maranhão (PDF) participaram quinta-feira (06) da última reunião de 2018 do Conselho Gestor do programa, oportunidade em que foi apresentado os principais resultados alcançados pelo programa e as ações consolidadas. Segundo o dados, o PDF chegou à expressiva marca de divulgação de 363 avisos, disseminados para mais de 2.800 fornecedores numa expectativa de oportunidades de negócios acima de R$ 400 milhões.

Além desse volume, no último encontro de negócios, que contou com a participação da Rota Nordeste, responsável pela construção do Porto São Luís, houve participação de mais de 340 empresas de vários segmentos. Segundo, o superintendente da Federação das Indústrias (Fiema), Albertino Leal, o PDF é uma oportunidade de negócios real e potencial para as empresas maranhenses, pois oportuniza aos cadastrados a possibilidade de fornecer produtos e serviços demandados pelas indústrias.

A analista da Companhia Energética do Maranhão (Cemar), Theffesan Lobato Ribeiro, enfatizou que “a empresa já é parceria há alguns anos e só tem tido bons resultados com o programa. “Já fizemos a indicação de algumas empresas para o Programa de Certificação de Empresas (Procem) e isto tem trazido ganhos ao nosso programa de excelência em gestão”, disse ela, acrescentando que os números apresentados destacam que o PDF tem trabalhado constantemente e insistentemente com os fornecedores locais, a fim de desenvolver as empresas e os colaboradores”.

Outro que elogiou o programa foi Dorgival Pereira, diretor de Relações Institucionais da Vale. “Avalio que os resultados foram muito positivo. Temos assistido à progressão do PDF ao longo dos 19 anos e estamos satisfeitos. O fato de trazer o fornecedor local para participar com as empresas mantenedoras e apoiadoras do PDF de encontros de negócios é importante para o desenvolvimento do Estado.

Programa – O PDF existe há 19 anos, sendo gerido pela Fiema em parceria com o Governo do Estado, por meio da Secretaria de Estado de Indústria, Comércio e Energia (Seinc) e é mantido por cinco grandes empresas industriais: Alumar, Cemar, Eneva, Solar (Coca-Cola) e Vale. O programa conta também com apoio da Ambev, Breda Artefatos de Concreto, Cimento Bravo, Dínamo Engenharia, Fertipar Fertilizantes, Aço Verde do Brasil, Maranhão Indústria de Couros, M. E. Gonçalves, Mineração Aurizona, Omega Service, Maranhão Colchões – Soft Flex e Topázio. O programa tem foco no desenvolvimento de fornecedores locais, gerando oportunidades de negócios e qualificando empresas maranhenses, para torná-las mais competitivas.

Atualmente, o PDF tem cadastrado na sua base mais de 2 mil empresas de diversos municípios do Estado. O programa conta com ações de qualificação dos fornecedores locais, organização de encontros de negócios e já foi responsável pela geração de mais de R$ 27 bilhões de negócios locais.

Carregando