Fechar
Buscar no Site
O ÓRGÃO DAS MULTIDÕES

Após violar 99 vezes a tornozeleira eletrônica ex-delegado é preso em Barra do Corda

Entre as violações feitas na tornozeleira está o não carregamento da bateria e a saída do local determinado pela justiça para cumprimento da medida cautelar

Foto: Reprodução

A Polícia prendeu no sábado (5), em Barra do Corda, o ex-delegado do município de Esperantinópolis Idaspe Perdigão Freire Júnior. Em três meses ele cometeu 99 violações na tornozeleira eletrônica que usava desde que foi preso, em 2018, acusado de irregularidades na delegacia que chefiava.

Entre as violações feitas na tornozeleira está o não carregamento da bateria e a saída do local determinado pela justiça para cumprimento da medida cautelar.

Idaspe Júnior foi preso em agosto de 2018 durante operação realizada pela Superintendência Estadual de Prevenção e Combate à Corrupção (Seccor). Contra ele pesam as acusações de irregularidades envolvendo veículos e procedimentos realizados na delegacia. Ele conseguiu na justiça o direito a responder o processo em liberdade com o uso de tornozeleira eletrônica. Porém, com a sequencia de violações na tornozeleira, o ex-delegado foi encaminhado a um presídio da região.

Carregando