Fechar
Buscar no Site
O ÓRGÃO DAS MULTIDÕES

Caema realiza troca de tubulação na Rua Grande para garantir abastecimento de água

Como parte das obras de revitalização do Centro Histórico de São Luís, a Companhia de Saneamento Ambiental do Maranhão (Caema) está realizando intervenções na Rua Grande para melhorias do abastecimento de água na região. As obras são executadas a partir de um planejamento conjunto do Governo do Maranhão com a Prefeitura de São Luís e […]

Quase um quilometro da rede principal foi substituído por uma rede nova. (Foto: Divulgação)

Como parte das obras de revitalização do Centro Histórico de São Luís, a Companhia de Saneamento Ambiental do Maranhão (Caema) está realizando intervenções na Rua Grande para melhorias do abastecimento de água na região. As obras são executadas a partir de um planejamento conjunto do Governo do Maranhão com a Prefeitura de São Luís e Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan).

Somente no primeiro trecho da obra, a Caema já investiu cerca de R$ 300 mil em serviços para melhoria da vazão e distribuição de água no local. Além da requalificação da rede de abastecimento, esse montante permitiu reordenar ligações prediais de água e esgoto, bem como a troca e implantação de hidrômetros. Isto elimina, de imediato, várias inconformidades e situações de desperdício de água potável em algumas ligações.

O engenheiro Jorge Mendes, à frente da execução das intervenções da Caema, diz que a reestruturação foi iniciada com a substituição de quase um quilometro da rede principal por uma rede nova, de PVC de 300mm de diâmetro. Ele ressalta que a antiga rede já não atendia mais as necessidades e, ainda, apresentava fragilidade pelo tempo de uso.

“Foi possível notar, por exemplo, em pontos onde realizamos essa primeira etapa, a presença de manilhas de barro, muito antigas. Uma configuração que não se encaixa mais nos parâmetros e padrões atuais e que estão em desuso desde a década de 70”, explica o engenheiro.

Além da substituição da antiga rede principal, também houve a implantação de uma rede de apoio. A rede paralela apresenta diâmetro de 100mm, feita em PVC DEFoFo (um material mais resistente e que possibilita conexão com outros materiais) e funciona como uma extensão da rede tronco, ficando responsável por distribuir a água para as ligações prediais.

“Antes, os prédios comerciais e construções da área estavam todos interligados direto na rede DN300, o que gerava ainda mais preocupação pelo fato da rede ser antiga. Com essa rede paralela, todas as ligações migraram para a rede DN100, permitindo ajustar questões de pressão da água, eliminando riscos para a rede tronco principal”, afirma o engenheiro.

Outro ponto importante foi a troca de oito grandes registros de manobra em pontos estratégicos da rede. Os registros são indispensáveis para mudança de curso de água ou para represar volumes de água dentro de uma determinada área, facilitando o trabalho das equipes de manutenção e possibilitando, também, um retorno mais rápido do reabastecimento após procedimentos deste tipo.

A gerente da Unidade de Negócios da Caema da região Centro, Maria Edna Portela, avalia que os benefícios destes serviços se estendem também às ruas paralelas e que mais água deverá e poderá ser manobrada para atender a região, já que estas alterações reforçam o anel de distribuição da vazão para a área.

Segundo ela, as alterações ajudaram a esclarecer e organizar ligações prediais. Devido ao fato de que as ligações particulares na Rua Grande sofreram e sofrem mudanças repentinas ao longo de todo este tempo, por conta de alterações estruturais nos prédios ou calçadas e rotatividade dos aluguéis na área, os serviços também serviram para rever as disposições das ligações, ao mesmo tempo em que ajudaram a atualizar cadastros dos consumidores na área.

“Cem por cento das 186 ligações existentes nesse trecho que recebeu intervenções estão cadastradas e hidrometradas e em conformidade com os padrões técnicos. Antes o percentual não chegava a 63%”, resume Edna Portela.

Toda a rede de esgoto no local está recebendo atenção da Caema. Esses serviços já estavam incluídos no escopo de obras realizadas pelo Iphan e a Caema está integrada como colaboradora, prestando acompanhamento técnico para fins de padronização. Após a conclusão dos serviços deste trecho da primeira etapa, a Caema dará continuidade à obra com o segundo trecho.

Carregando