Fechar
Buscar no Site
O ÓRGÃO DAS MULTIDÕES

Homem é condenado a mais de 26 anos por estupro de vulnerável em Bom Jardim

A jovem chegou a engravidar, mas sofreu um aborto em julho do ano passado

(Foto: Ilustração)

A Justiça condenou a 26 anos e quatro meses de prisão, após denúncia do Ministério Público do Maranhão, Francivaldo Saldanha da Silva, mais conhecido como “Beiçola”. Ele foi sentenciado pelos crimes de estupro e de estupro de vulnerável. Francivaldo não poderá recorrer em liberdade.

Francivaldo Saldanha utilizava arma de fogo para ameaçar sua enteada, obrigando-a a manter relações sexuais com ele. A vítima, atualmente com 19 anos, sofria abusos desde os 11 anos. A jovem chegou a engravidar, mas sofreu um aborto em julho do ano passado.

Também foi apontado na denúncia que a mãe da vítima, a irmã e seus cinco irmãos viviam em um ambiente de constantes ameaças feitas pelo condenado, mediante arma de fogo e arma branca. Portanto, as violências física e psicológica contra os membros da família eram constantes.

Carregando