Fechar
Buscar no Site
O ÓRGÃO DAS MULTIDÕES

Construção do Residencial Jomar Moraes em São Luís chega à fase final de execução

A obra tem previsão para ser entregue neste primeiro semestre

Foto: Reprodução

Construído nas imediações do Sítio Piranhenga, em São Luís, o residencial Jomar Moraes beneficiará 1.104 famílias que viviam em situação de vulnerabilidade social. A obra tem previsão para ser entregue neste primeiro semestre.

O investimento de R$ 82 milhões é oriundo do Programa Minha Casa Minha Vida, por meio da Caixa Econômica Federal e de contrapartida do Governo do Estado.  O Residencial é formado por 33 blocos de 32 apartamentos e por dois blocos de 24 apartamentos e abrigará famílias que viviam em condições de vulnerabilidade social nos bairros da Liberdade, Camboa e entorno da Avenida Jackson Lago.

Serão seis quilômetros de pavimentação asfáltica na parte interna e no acesso ao Residencial.

Além das mais de 1.100 unidades habitacionais, o Jomar Moraes também contará com uma área de lazer totalmente pensada para o conforto de seus moradores. Fazem parte do projeto itens como a Praça dos Esportes, com quadra gramada e academia ao ar livre; Praça das Crianças, com playground; Centro Comunitário, com cozinha e banheiros adaptados, área que tem capacidade para receber até 92 pessoas sentadas.

O conceito do projeto do Residencial Jomar Moraes foi construído com base nas normas de acessibilidade e pensado para que a disposição dos blocos possa possibilitar a integração entre os moradores, com acesso aos espaços de vivência, como praças e quadras. Além disso, os espaços do entorno do residencial possuem espaços destinados a empreendimentos nas áreas de saúde, educação e cultura.

Carregando