Fechar
Buscar no Site
O ÓRGÃO DAS MULTIDÕES

Revitalizado, Edifício João Goulart vai garantir mais eficiência à gestão pública

Construído em 1957, o prédio irá abrigar a nova Sede Administrativa do Governo do Maranhão

Edifício João Goulart . (Foto: Reprodução)

Um dos primeiros exemplares da arquitetura moderna em São Luís, o Edifício João Goulart, localizado na Avenida Pedro II, no coração do Centro Histórico da capital maranhense, está prestes a ser entregue totalmente revitalizado, após mais de duas décadas de abandono.

Construído em 1957, o prédio irá abrigar a nova Sede Administrativa do Governo do Maranhão, garantindo maior eficiência à gestão pública e mais economia, já que o local abrigará secretarias que atualmente arcam com custos de aluguéis.

Com pouco mais de 6 mil m² de construção, sendo dois subsolos, térreo e 10 andares, o prédio abrigará pelo menos seis órgãos de governo, de acordo com o secretário de Governo, Antonio Nunes.

“O João Goulart vai receber a vice-governadoria, a Secretaria de Comunicação e Articulação Política, a Secretaria de Governo, a Casa Civil e parte do Gabinete Militar. Ou seja, estamos trazendo para cá, prédios que têm grande relação com a atividade do governador e que estão hoje ocupados no Palácio Henrique de La Rocque”, detalha o secretário.

Durante vistoria às obras no João Goulart, o governador Flávio Dino também ressaltou o fortalecimento da atividade comercial e turística na região com a revitalização do edifício.

“Nós teremos uma utilização produtiva, que significa atração e circulação de pessoas e, portanto, oportunidade de negócios para empreendedores. Com isso, geramos o caminho certo para que nós tenhamos a conservação do Centro Histórico de São Luís: fazer que seja ocupado por pessoas que estejam permanentemente usando os espaços públicos”, ressaltou Dino.

Parceria Público-Privada

Na obra de revitalização do Edifício João Goulart foi utilizado um modelo mais moderno e eficaz para a reabilitação do prédio. Trata-se do chamado “aluguel sob medida” (também conhecido pelo seu nome em inglês “built to suit”), no qual a iniciativa privada financia a obra de reforma e a manutenção das instalações do imóvel por tempo determinado.

Com todo o piso refeito, a estrutura do forro instalada e a implantação do sistema de climatização já finalizada, a obra chegou à fase final e a expectativa é que o novo Edifício João Goulart seja entregue ainda no primeiro semestre de 2019.

Carregando