Fechar
Buscar no Site
O ÓRGÃO DAS MULTIDÕES

Morre no São Domingos em São Luís o advogado Pedro Leonel

O corpo do jurista será velado a partir das 11h na Pax União, na Rua Oswaldo Cruz

Pedro Leonel Pinto de Carvalho. (Foto: Reprodução)

O renomado advogado maranhense Pedro Leonel Pinto de Carvalho, dono do escritório “Pedro Leonel Advogados Associados, morreu, nesta segunda-feira, em São Luís, aos 82 anos.

Pedro Leonel lutava contra um câncer e estava internado no Hospital São Domingos.

O corpo do jurista será velado a partir das 11h na Pax União, na Rua Oswaldo Cruz.

O advogado Sérgio Muniz, em contato com o JP online, lembrou um texto que escreveu em 2018, em homenagem a Pedro Leonel, na passagem do seu aniversário de 81 anos. Disse que Pedro Leonel se tornou uma referência pela sua vitoriosa produção como bem sucedido advogado e pelos artigos jurídicos em que expôs suas ideias em um tempo em que não se dispunha das facilidades de divulgação de hoje por meio da internet.

“Hoje em dia, luta por causas que outros não acreditariam ser possível vencer, mas que sua alma de combativo advogado lhe faz crer que corrigirá uma ilegalidade; uma falha administrativa ou um abuso e que o resultado prático refletirá em um benefício para toda a sociedade. Para tanto, faz uso muitas vezes da ação popular. Foi de Pedro Leonel Pinto De Carvalho a primeira ação contra a venda da refinaria de Pasadena, na Califórnia, pela Petrobrás; contra o auxílio peru ou auxílio natalino pago aos membros da magistratura Carioca; contra a utilização de recursos públicos no custeio de curso em uma universidade para divulgação de conteúdo comunista; contra aumento irregular de tarifa elétrica; dentre outros, além de ser dele a consolidação jurisprudencial do dano moral antes da Constituição de 1988. Para quem tiver curiosidade, basta colocar no Google seu nome e uma infinidade de referências surgirá”, escreveu Muniz.

Carregando