Fechar
Buscar no Site
O ÓRGÃO DAS MULTIDÕES

Enade: informações erradas podem ser alteradas até 30 de agosto

O Enade será aplicado no dia 24 de novembro

(Foto: Ilustração)

As instituições de ensino superior têm até 30 de agosto para corrigir informações de estudantes e de cursos para a realização do Exame Nacional de Desempenho dos Estudantes (Enade) 2019. Sem a retificação de um dado que estiver errado, o aluno e a instituição não podem participar do exame.

As alterações devem ser realizadas exclusivamente pela internet, no Sistema Enade, disponibilizado pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), vinculado ao Ministério da Educação (MEC).

Este ano, serão avaliados os estudantes dos cursos vinculados às áreas de Ciências Agrárias, Ciências da Saúde e áreas afins; Engenharias e Arquitetura e Urbanismo; e grau de tecnólogo nos cursos superiores de tecnologia nas áreas de ambiente e saúde, produção alimentícia, recursos naturais, militar e segurança.

O Enade será aplicado no dia 24 de novembro deste ano com o objetivo de avaliar o aprendizado de universitários em diferentes cursos. O exame deve ser realizado por estudantes ingressantes e concluintes dos cursos selecionados. Por ser componente curricular obrigatório, a prova é indispensável para o universitário que for formando obter o diploma.

Os coordenadores de cursos podem acessar a plataforma de capacitação para o Sistema Enade aqui.

Carregando