Fechar
Buscar no Site
O ÓRGÃO DAS MULTIDÕES

Mansão de Edemar Cid Ferreira é leiloada

O dinheiro do leilão vai para os credores do Banco Santos, que deixou um rombo de mais de R$ 2 bilhões.

A casa tem duas galerias de arte e uma biblioteca, além de um heliponto; ela custou ao ex-banqueiro mais de R$ 140 milhões (Foto: Divulgação)

A casa que pertenceu ao banqueiro Edemar Cid Ferreira, do falido Banco Santos, foi vendida nesta quarta-feira (23) por R$ 9 milhões. O imóvel foi construído entre os anos de 2000 e 2004 e ocupa um terreno de oito mil metros quadrados no bairro do Morumbi, em São Paulo.

A propriedade, que chegou a ser avaliada em R$ 110 milhões, só foi arrematada após quatro leilões. Nas duas primeiras tentativas não apareceram compradores interessados.

Em maio, no terceiro leilão, a casa chegou a ser vendida por cerca de R$ 23 milhões. O comprador, no entanto, não depositou o valor dentro do prazo estipulado.

A casa tem duas galerias de arte e uma biblioteca, além de um heliponto. Ela custou ao ex-banqueiro mais de R$ 140 milhões.

A Justiça tem agora um mês para homologar a venda, já que o arremate foi muito abaixo do lance mínimo.

O dinheiro do leilão vai para os credores do Banco Santos, que deixou um rombo de mais de R$ 2 bilhões.

Carregando