Fechar
Buscar no Site
O ÓRGÃO DAS MULTIDÕES

Polícia Civil realiza prisões e sequestra bens de integrantes de facção

Durante a operação, foram sequestrados um apartamento, duas casas, um veículo de luxo e duas motocicletas.

A Polícia Civil do Maranhão realizou, nesta terça-feira, 10, em São Luís, a terceira fase da Operação Tiro Certo Certo, com a finalidade de cumprir Mandados de Prisão Preventiva e Busca e Apreensão em desfavor de integrantes de uma facção criminosa e de pessoas responsáveis pela movimentação financeira e patrimonial do grupo.

Vitinho Patrão e Vanda Barbosa foram presos pela Polícia Civil (Foto: Divulgação)

Foram cumpridos mandados de prisão em desfavor de Adailton Pereira dos Santos Júnior, vulgo Vitinho Patrão, e sua companheira, Vanda Barbosa de Oliveira, além de outros nove mandados de busca e apreensão em imóveis do casal e de pessoal ligadas a eles.

A ação da polícia ocorreu na Vila Luizão, Divineia, Vila Operária, Angelim, Paço do Lumiar e Cohatrac.

Nos locais de busca foram apreendidas uma vasta documentação (escrituras públicas de imóveis, cadernos com movimentações financeiras, recibo de joias e de veículos) e o valor de R$ 2.700,00 em “notas trocadas”. Também foram bloqueadas contas bancárias dos envolvidos, num valor superior a um milhão de reais, só este ano.

Bens apreendidos pela polícia durante a operação

Durante a operação, foram sequestrados um apartamento, duas casas, um veículo de luxo e duas motocicletas, patrimônio avaliado em mais de R$ 600.000.00.

Após os cumprimentos dos mandados, os presos foram encaminhados ao sistema penitenciário de Pedrinhas, onde permanecerão a disposição da Justiça.

A operação ocorreu por meio da Superintendência Estadual de Investigações Criminais (SEIC), da Superintendência da Capital (SPCC), Superintendência Estadual de Repressão ao Narcotráfico (SENARC), da Superintendência de Homicídio e Proteção à Pessoa (SHPP).

Carregando